Busca BOL

Terça-feira, 2 de setembro de 2014

BOL Notícias

Mulher é morta a facada em Poços de Caldas (MG); ex-namorado é principal suspeito

Arquivo pessoal

Vivian de Andrade foi morta em seu apartamento

Do UOL, em Belo Horizonte

Uma cabeleireira de 28 anos foi assassinada pelo ex-namorado nesta segunda-feira (16), em Poços de Caldas (460 km de Belo Horizonte). O suspeito do crime foi preso em Águas da Prata (239 km de São Paulo) poucas horas depois do homicídio. De acordo com a Polícia Militar (PM), o crime tem motivações passionais, pois o homem não aceitava o fim do relacionamento.

Márcio Rodrigo, 27, foi até o apartamento de Viviane Aline de Andrade, que fica no condomínio Ville de France, bairro Country Club. Ele entrou no prédio carregando uma mala e chamou a ex na porta do imóvel. O homem insistiu para que ela abrisse a porta, mas a cabeleireira negou. De acordo com a PM, ela estava acompanhada de um amigo do trabalho, que também é cabeleireiro.

Essa testemunha relatou aos militares que Rodrigo arrombou a porta e entrou furioso no apartamento. Ele não deu tempo de reação a Viviane nem mesmo oportunidade do amigo, que estava sentado no sofá, de defendê-la. Márcio cercou a mulher na cozinha, pegou uma faca e a atacou.

Ele golpeou o pescoço da ex-namorada, que morreu ainda dentro do apartamento. O amigo dela chamou o Serviço Móvel de Atendimento de Urgência (Samu), mas a equipe apenas constatou a morte. A faca usada no crime tem lâmina de cerca de 20 centímetros e causou ferimentos fatais na vítima.

O suspeito chamou um mototáxi para fugir do prédio. Sem saber de nada, o piloto atendeu ao chamado, mas Rodrigo o ameaçou e roubou a moto. Um pedreiro, que trabalha em uma obra no prédio e testemunhou a fuga, tentou seguir Rodrigo, porém não o alcançou. A PM foi acionada e avisou a todas as cidades vizinhas sobre as características do suspeito.

Ele foi visto por policiais na cidade de Águas da Prata, que fica a cerca de 30 quilômetros de distância de Poços de Caldas. Com a roupa ainda suja de sangue, Rodrigo foi preso em flagrante e encaminhado para a delegacia do município. Nesta terça-feira (17) o suspeito foi transferido para o presídio de Poços de Caldas.

A delegada responsável pelo caso, Suzi Cristina Simões, informou que Márcio foi autuado por homicídio e roubo. Um inquérito será instaurado para dar andamento às investigações. Simões ainda não sabe dizer se havia alguma queixa de violência feita pela cabeleireira anteriormente a crime. 

Publicidade

Emprego Certo

Procurar por emprego