Busca BOL

Quarta-feira, 22 de outubro de 2014

BOL Notícias

"O Melhor de Russ Meyer" traz seleção de filmes do "Fellini americano"

Reprodução

Dolly Read entre Marcie McBroom e Cynthia Myers em cena do filme "De Volta ao Vale das Bonecas" (1970)


Da Redação

Começa hoje e permanece até 15 de agosto no Centro Cultural Banco do Brasil, em São Paulo, a mostra "O Melhor de Russ Meyer", com 19 dos 27 filmes realizados pelo autor.

O cineasta americano Russ Meyer tornou-se célebre pelas alucinadas comédias eróticas que produziu e dirigiu nos anos 60 e 70, famosas pelas personagens femininas sexualmente liberadas demais para os padrões da época, sempre prontas a se relacionar com quem bem entendessem e dispostas a enfrentar os homens em qualquer situação. Nas tramas rocambolescas que Meyer criava, atrizes de formas opulentas materializaram a obsessão americana por seios grandes e mostravam com generosidade seus corpos habitualmente desnudos.

Russ Meyer dirigiria, escrevia, produzia, fotografava e montava seus filmes e morreu em 2004, cultuado por seu humor escrachado e reconhecido também como um talentoso artesão cinematográfico. Conhecido como o “Fellini do sexo”, o americano realizou 27 filmes, dos quais apenas "De Volta ao Vale das Bonecas" (1970), chegou ao Brasil.

Sinopses dos filmes:

"Achado Não É Roubado" (Finders Keepers, Lovers Weepers). Com Anne Chapman, Paul Lockwood, Gordon Wescourt. Imbroglio sexo-criminal: dono de club de strip tease desconfia que a namorada planeja lhe roubar, já sua esposa está tendo um caso com um dos garçons, ele desmaia num bordel ... (EUA, 1968). INDICADO PARA MAIORES DE 18 ANOS.

"Além do Vale das Ultra-Vixens" (Beneath the Valley of the Ultra-Vixens). Com Kitten Natividad, Ann Marie, Ken Kerr. Casal de uma típica cidade do interior americano enfrenta problemas sexuais e procura conselheiros inusitados. Sátira ao comportamento da classe média em tempos de revolução sexual. (EUA, 1979). INDICADO PARA MAIORES DE 18 ANOS.

"Bom Dia ... e Tchau, Tchau!" (Good Morning ... and Goodbye!). Com Alaina Capri, Stuart Lancaster, Haji. Esposa de marido fazendeiro impotente procura prazer com outros parceiros. Primeiro filme a cores do realizador e um dos vários em que mostra mulheres vivendo sua sexualidade fora do casamento. (EUA, 1967). INDICADO PARA MAIORES DE 18 ANOS.

"Cabana do Amor" (Common Law Cabin). Com Ken Swofford, Alaina Capri, Jackien Moran. Homem misterioso chega a um bar falido à beira do Rio Colorado e tenta comprar o estabelecimento mas o dono se recusa a vender. O forasteiro então arma um plano para forçar a realização do negócio. (EUA, 1967). INDICADO PARA MAIORES DE 18 ANOS.

"Cherry, Harry & Raquel!" (Cherry, Harry & Raquel!). Com Larissa Ely, Linda Ashton, Charles Napier. Triângulo amoroso entre prostituta, uma enfermeira e um xerife corrupto que está ameaçado de ser denunciado como traficante. Mais uma ousadia de Russ Meyer ao abordar o tema nas drogas num tempo que o assunto praticamente não era tratado pelo cinema. (EUA, 1970). INDICADO PARA MAIORES DE 18 ANOS.

"De Volta ao Vale das Bonecas" (Beyond the Valley of the Dolls). Com Dolly Read, Cynthia Myers, Márcia McBroom. Banda de rock formada por mulheres ruma a Los Angeles em busca do sucesso e entra em contato com o mundo do sexo e das drogas. Único filme do cineasta produzido por um grande estúdio e com orçamento generoso. (EUA, 1970). INDICADO PARA MAIORES DE 18 ANOS.

"Eva e o Faz Tudo" (Eve and the Handyman). Com Eve Meyer, Anthony-James Ryan, Frank Bolger. Funcionário de um escritório, tímido e recatado, envolve-se em situações inusitadas com o sexo oposto. (EUA, 1961). INDICADO PARA MAIORES DE 18 ANOS.

"Faster, Pussycat! Kill! Kill!" (Faster, Pussycat! Kill! Kill!). Com Tura Satana, Haji, Lori Williams. Três dançarinas de strip-tease testam seu carro novo no deserto californiano e se envolvem em confusões inacreditáveis. Faster, Pussycat! Kill! Kill! é considerado a obra prima de Russ Meyer. (EUA, 1965). INDICADO PARA MAIORES DE 18 ANOS.

"Garotas Nuas do Oeste Selvagem" (Wild Gals of the Naked West). Com Sammy Gilbert, Anthony-James Ryan, Jackie Moran. Parodia do tradicional gênero com os ingredientes típicos dos filmes de Russ Meyer. (EUA, 1962). INDICADO PARA MAIORES DE 18 ANOS.

"O Imoral Sr. Teas" (The Immoral Mr. Teas). Com Bill Teas, Ann Peters, Marilyn Wesley. Vendedor recebe uma anestesia e passa a enxergar através das roupas das mulheres. Longa de estréia de Russ Meyer e primeiro filme americano com cenas de nudez a ultrapassar um milhão de dólares na bilheteria. (EUA, 1959). INDICADO PARA MAIORES DE 18 ANOS.

"Lorna" (Lorna). Com Lorna Maitland, Mark Bradley, James Rucker. Esposa insatisfeita de um mineiro envolve-se com outros homens na ausência do marido até ter suas traições descobertas. Lorna foi lançado nos EUA dublado em sueco com legendas em inglês. (EUA, 1964). INDICADO PARA MAIORES DE 18 ANOS.

"Mondo Topless" (Mondo Topless). Com Babette Bardot, Pat Barrington, Sin Leene. Falso documentário sobre dançarinas da noite de São Francisco. (EUA, 1966). INDICADO PARA MAIORES DE 18 ANOS.

"Motor Psycho" (Motor Psycho). Com Arshalouis Aivazian, Richard S. Brummer, Joseph Cellini. Gang de motociclistas aterroriza uma pequena cidade americana. Motor Psycho notabilizou-se por, pioneiramente, ter entre seus personagens um veterano da Guerra do Vietnam traumatizado. (EUA, 1965). INDICADO PARA MAIORES DE 18 ANOS.

"Mudhoney" (Mudhoney). Com Hal Hopper, Antoinette Cristiani, John Furlong. Triângulo amoroso passada nos anos da Grande Depressão envolvendo traição, cobiça e fanatismo religioso. Mudhoney é considerado um dos melhores filmes de Russ Meyer. (EUA, 1965). INDICADO PARA MAIORES DE 18 ANOS.

"Pandora Peaks" (Pandora Peaks). Com Pandora Peaks, Leasha, Russ Meyer. Documentário sobre a striper Pandora Peaks narrado pelo próprio Russ Meyer, é sua despedida no cinema. (EUA, 2001). INDICADO PARA MAIORES DE 18 ANOS.

"Supervixens" (Supervixens). Com Shari Eubank, Charles Napier, Uschi Digard. Empregado de posto de gasolina foge da polícia após ser injustamente acusado de assassinar a namorada. Na fuga é seduzida por belas mulheres. (EUA, 1975). INDICADO PARA MAIORES DE 18 ANOS.

"Up!" (Up!). Com Edward Schaaf, Kitten Natividad, Rvem de la Croix. Ditador alemão, clone de Hitler, é misteriosamente assassinado na banheira de sua mansão, onde promove orgias. (EUA, 1976). INDICADO PARA MAIORES DE 18 ANOS.

"Vixen!" (Vixen!). Com Erica Gavin, Garth Pillsbury, Harrison Page. Esposa de um piloto de avião coleciona amantes quando o marido viaja. Russ Meyer introduz pitadas de política e racismo na trama. O filme teve seqüência com Supervixens e Beneath the Valley of the Ultra-Vixens. (EUA, 1968). INDICADO PARA MAIORES DE 18 ANOS.

Programação

Quinta-feira, 5 de agosto:
17h30 – O Imoral Sr. Teas (63 min)
19h30 – Faster, Pussycat! Kill! Kill! (83 min)

Sexta-feira, 6 de agosto:
17h30 – Pandora Peaks ( 71 min)
19h30 – Vixen! (70 min)

Sábado, 7 de agosto:
15h30 – Lorna (78 min)
17h30 – Up! ( 80 min)
19h30 – Supervixens ( 99 min)

Domingo, 8 de agosto:
15h30 – Cherry, Harry & Raquel! (71 min)
17h30 – Motor Psycho (74 min)
19h30 – Além do Vale das Ultra-Vixens (93 min)

Quarta-feira, 11de agosto:
17h30 – De Volta ao Vale das Bonecas (109 min)
19h30 – Cabana do Amor (70 min)

Quinta-feira, 12 de agosto:
17h30 – Achado Não É Roubado (71 min)
19h30 – Mudhoney (92 min)

Sexta- feira, 13 de agosto:
17h30 – Bom Dia ... e Tchau, Tchau! (80 min)
19h30 – Mondo Topless (60 min)

Sábado, 14 de agosto:
15h30 – Garotas Nuas do Oeste Selvagem (65 min)
17h30 – Eva e o Faz Tudo (65 min)
19h30 – Faster, Pussycat! Kill! Kill! (83 min)

Domingo, 15 de agosto:
15h30 – Vixen! (70 min)
17h30 – Supervixens (99 min)
19h30 – Além do Vale das Ultra-Vixens (93 min)

O MELHOR DE RUSS MEYER
Onde: Rua Álvares Penteado, 112 - Centro
Quando: Terça a domingo, das 10h às 20h
Quanto: Entrada franca | Senhas distribuídas uma hora antes das sessões
Informações: (11) 3113-3651/52
Classificação: 18 anos
 

Enquete

Carregando enquete...
Computando seu voto...
Carregando resultado
  • 5779
  • simples
  • false
Publicidade

Emprego Certo

Procurar por emprego