Busca BOL

Sexta-feira, 21 de novembro de 2014

BOL Notícias

Grávida, Tiê diz que parou de ver "Avenida Brasil" porque estava tendo pesadelos

Reprodução

A cantora Tiê, convidada do programa "Encontro com Fátima Bernardes" (21/9/12)


Do UOL, no Rio

No “Encontro com Fátima Bernades” desta manhã (21), Flávia Alessandra, Artur Xexéo, Ailton Graça, Beto Barbosa, Vida Alves e a cantora Tiê se reuniram para falar sobre a paixão brasileira pelas novelas.

"Eu parei de assistir "Avenida Brasil" à noite porque, quando eu ia dormir, eu tinha pesadelos. Eu estou grávida de uma menina, a Amora, e sonhava que a Carmnha (Adriana Esteves) tinha roubado dinheiro da minha carteira, que eu escrevia uma carta pro Tufão (Murilo Benício) contando o que a Carminha estava fazendo, que eu era a terceira mulher do Cadinho (Alexandre Borges)... Não deu  mais. Agora eu assisto no site pela manhã.", contou a cantora que apresentou a sua versão da música “Você não vale nada”, originalmente lançada pelo grupo Calcinha Preta. A canção está no segundo disco de Tiê, “A Coruja e o Coração”, e traz uma batida flamenca para a canção que fez sucesso na novela “Caminho das Índias”.

O programa abordou como as novelas, que sempre foram uma paixão nacional, são agora discutidas nas redes sociais, que deram voz aos telespectadores. O jornalista Artur Xexéo falou sobre a repercussão de suas crônicas quando o assunto é novela.

"As pessoas gostam de reclamar da novela e, quando a gente, no jornal, que é um lugar que tem uma certa credibilidade, reclama também, elas adoram. Sobre a Nina, por exemplo, guardar foto em papel... Por que não salva no computador?!", disse.

O ator Ailton Graça, que interpreta o personagem Silas em “Avenida Brasil", afirmou também ser um noveleiro que sente a pressão de outros noveleiros.

"As pessoas te chamam pelo teu nome. Eu sou o Silas, todo mundo me chama de Silas. E as pessoas querem informações, querem que a gente avise coisas pro autor. Por exemplo, eu já ouvi: "Avisa pro autor que o Silas está saindo com a a Monalisa! O autor não está vendo que isso está acontecendo!". Gente, ele é o autor da novela!"

A atriz Vida Alves, 84, outra noveleira, contou como foi sua participação no primeiro beijo na TV. Aconteceu na novela de "Sua Vida Me Pertence", em 1951. Na cena, a atriz beijou o autor, diretor e ator da trama, Walter Forster (1917-1996). Doze anos depois, ela foi a protagonista do primeiro beijo homossexual na televisão com a atriz Geórgia Gomide (1937-2011), que aconteceu no teleteatro "Calúnia", em 1963, na extinta TV Tupi.

“O padre me chamou, um dia, na missa, na frente de todo mundo e me apresentou para todo mundo como aquela que tinha dado um beijo na televisão. Eu disse: “Padre, eu não estou no confessionário!”, lembrou.

Enquete

Carregando enquete...
Computando seu voto...
Carregando resultado
  • 5779
  • simples
  • false
Publicidade

Emprego Certo

Procurar por emprego