Cinegrafista da Band morre após ser ferido em protesto no Rio

Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://noticias.bol.uol.com.br/fotos/imagens-do-dia/2014/02/07/cinegrafista-da-band-e-ferido-em-protesto-no-rio.htm
  • totalImagens: 56
  • fotoInicial: 43
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20140207120500
    • Rio de Janeiro [5108]; RJ [5105]; Brasil [5109];
Fotos
6.fev.2014 - Cinegrafista da Band que foi ferido por explosivo na cabeça durante ato na Central do Brasil, no centro do Rio de Janeiro, é visto momentos antes de ser atingido. O objeto explodiu muito perto da cabeça do repórter cinematográfico, que sofreu um afundamento do crânio Agência O Globo Mais
6.fev.2014 - Cinegrafista da Band é ferido por explosivo na cabeça, durante ato na Central do Brasil, no centro do Rio de Janeiro. O objeto explodiu muito perto da cabeça do repórter cinematográfico, que sofreu um afundamento do crânio Agência O Globo Mais
6.fev.2014 - Cinegrafista da Band é ferido por explosivo na cabeça, durante ato na Central do Brasil, no centro do Rio de Janeiro. O objeto explodiu muito perto da cabeça do repórter cinematográfico, que sofreu um afundamento do crânio Agência O Globo Mais
6.fev.2014 - Cinegrafista da Band é ferido por explosivo na cabeça, durante ato na Central do Brasil, no centro do Rio de Janeiro. A emissora pediu que o nome do funcionário não fosse divulgado e comunicou que espera no hospital, junto à família, os resultados da cirurgia Agência O Globo Mais
6.fev.2014 - Cinegrafista da Band é ferido por explosivo na cabeça, durante ato na Central do Brasil, no centro do Rio de Janeiro. A emissora pediu que o nome do funcionário não fosse divulgado e comunicou que espera no hospital, junto à família, os resultados da cirurgia Agência O Globo Mais
6.fev.2014 - Cinegrafista da Band é ferido por explosivo na cabeça, durante ato na Central do Brasil, no centro do Rio de Janeiro. Não se sabe quem atirou o objeto explosivo. O repórter cinematográfico registrava a ação da polícia contra os manifestantes durante ato promovido pelo Movimento Passe Livre Agência O Globo Mais
6.fev.2014 - Cinegrafista da Band é ferido por explosivo na cabeça, durante ato na Central do Brasil, no centro do Rio de Janeiro. Não se sabe quem atirou o objeto explosivo. O repórter cinematográfico registrava a ação da polícia contra os manifestantes durante ato promovido pelo Movimento Passe Livre Agência O Globo Mais
6.fev.2014 - Cinegrafista da Band é ferido por explosivo na cabeça, durante ato na Central do Brasil, no centro do Rio de Janeiro. O objeto explodiu muito perto da cabeça do repórter cinematográfico, que sofreu um afundamento do crânio Kátia Carvalho / Parceira / Agência O Globo Mais
6.fev.2014 - Cinegrafista da Band é ferido por explosivo na cabeça, durante ato na Central do Brasil, no centro do Rio de Janeiro. O objeto explodiu muito perto da cabeça do repórter cinematográfico, que sofreu um afundamento do crânio Leo Correa/AP Mais
7.fev.2014 - Inspetores da polícia do Rio apresentaram nesta sexta-feira (7) rojões semelhantes ao utilizado durante protesto contra o aumento das passagens, que feriu o cinegrafista Santiago Andrade, da TV Bandeirantes Fernando Frazão/Agência Brasil Mais
7.fev.2014 - A polícia investiga a agressão sofrida pelo cinegrafista durante protesto contra o aumento das passagens de ônibus. Santiago Andrade, da TV Bandeirantes, teria sido atingido por um rojão lançado por um integrante dos black block Fernando Frazão/Agência Brasil Mais
8.fev.2014 - Manifestante de camisa cinza e calça jeans é apontado pela Polícia Civil como o principal responsável pela explosão do artefato que feriu gravemente o cinegrafista da "Band" Santiago Ilídio Andrade Reprodução/TV Brasil Mais
8.fev.2014 - O delegado Maurício Luciano afirmou neste sábado (8) que o rapaz suspeito de entregar rojão que feriu cinegrafista da TV Bandeirantes será indiciado Fernando Frazão/Agência Brasil Mais
9.fev.2014 - A Polícia Civil do Rio de Janeiro prendeu neste domingo (9) o estudante universitário e tatuador Fábio Raposo, indiciado como coautor da explosão que feriu o cinegrafista da "Band" Santiago Ilídio Andrade, na quinta-feira (6), em manifestação realizada no centro da capital fluminense. Na foto, Fábio Raposo chega à 17ª DP, em São Cristóvão Carlos Moraes/Agência O Dia/Estadão Conteúdo Mais
9.fev.2014 - A Polícia Civil do Rio de Janeiro prendeu neste domingo (9) o estudante universitário e tatuador Fábio Raposo, indiciado como coautor da explosão que feriu o cinegrafista da "Band" Santiago Ilídio Andrade, na quinta-feira (6), em manifestação realizada no centro da capital fluminense Fernando Frazão/Agência Brasil Mais
10.fev.2014 - Imagens postadas por amigos nas redes sociais mostram o cinegrafista da "TV Bandeirantes" Santiago Ilídio Andrade, 49, trabalhando. Santiago teve morte cerebral diagnosticada na manhã desta segunda-feira (10). Ele foi atingido na cabeça quando registrava o protesto, na quinta-feira (6) Reprodução/Facebook Mais
10.fev.2014 - Imagens postadas por amigos nas redes sociais mostram o cinegrafista da "TV Bandeirantes" Santiago Ilídio Andrade, 49, trabalhando. Santiago teve morte cerebral diagnosticada na manhã desta segunda-feira (10). Ele foi atingido na cabeça quando registrava o protesto, na quinta-feira (6) Reprodução/Facebook Mais
10.fev.2014 - Imagens postadas por amigos nas redes sociais mostram o cinegrafista da "TV Bandeirantes" Santiago Ilídio Andrade, 49, trabalhando. Santiago teve morte cerebral diagnosticada na manhã desta segunda-feira (10). Ele foi atingido na cabeça quando registrava o protesto, na quinta-feira (6) Reprodução/Facebook Mais
10.fev.2014 - Imagens postadas por amigos nas redes sociais mostram o cinegrafista da "TV Bandeirantes" Santiago Ilídio Andrade, 49, trabalhando. Santiago teve morte cerebral diagnosticada na manhã desta segunda-feira (10). Ele foi atingido na cabeça quando registrava o protesto, na quinta-feira (6) Reprodução/Facebook Mais
10.fev.2014 - Imagens postadas por amigos nas redes sociais mostram o cinegrafista da "TV Bandeirantes" Santiago Ilídio Andrade, 49, trabalhando. Santiago teve morte cerebral diagnosticada na manhã desta segunda-feira (10). Ele foi atingido na cabeça quando registrava o protesto, na quinta-feira (6) Reprodução/Facebook Mais
10.fev.2014 - Imagens postadas por amigos nas redes sociais mostram o cinegrafista da "TV Bandeirantes" Santiago Ilídio Andrade, 49, trabalhando. Santiago teve morte cerebral diagnosticada na manhã desta segunda-feira (10). Ele foi atingido na cabeça quando registrava o protesto, na quinta-feira (6) Reprodução/Facebook Mais
10.fev.2014 - Imagens postadas por amigos nas redes sociais mostram o cinegrafista da "TV Bandeirantes" Santiago Ilídio Andrade, 49, trabalhando. Santiago teve morte cerebral diagnosticada na manhã desta segunda-feira (10). Ele foi atingido na cabeça quando registrava o protesto, na quinta-feira (6) Reprodução/Facebook Mais
10.fev.2014 - Imagens postadas por amigos nas redes sociais mostram o cinegrafista da "TV Bandeirantes" Santiago Ilídio Andrade, 49, trabalhando. Santiago teve morte cerebral diagnosticada na manhã desta segunda-feira (10). Ele foi atingido na cabeça quando registrava o protesto, na quinta-feira (6) Reprodução/Facebook Mais
10.fev.2014 - Imagens postadas por amigos nas redes sociais mostram o cinegrafista da "TV Bandeirantes" Santiago Ilídio Andrade, 49, trabalhando. Santiago teve morte cerebral diagnosticada na manhã desta segunda-feira (10). Ele foi atingido na cabeça quando registrava o protesto, na quinta-feira (6) Reprodução/Facebook Mais
10.fev.2014 - Pessoas choram durante a missa realizada nesta segunda-feira (10) em homenagem ao cinegrafista da "TV Bandeirantes" Santiago Ilídio Andrade, 49. Santiago teve morte cerebral diagnosticada na manhã desta segunda-feira (10). Ele foi atingido na cabeça quando registrava o protesto, na quinta-feira (6) Fernando Maia/UOL Mais
10.fev.2014 - Missa é realizada nesta segunda-feira (10) em homenagem ao cinegrafista da "TV Bandeirantes" Santiago Ilídio Andrade, 49. Santiago teve morte cerebral diagnosticada na manhã desta segunda-feira (10). Ele foi atingido na cabeça quando registrava o protesto, na quinta-feira (6) Fernando Maia/UOL Mais
10.fev.2014 - Padre celebra missa em homenagem ao cinegrafista da "TV Bandeirantes" Santiago Ilídio Andrade, 49, nesta segunda-feira (10). Santiago teve morte cerebral diagnosticada na manhã desta segunda-feira (10). Ele foi atingido na cabeça quando registrava o protesto, na quinta-feira (6) Fernando Maia/UOL Mais
10.fev.2014 - Parentes e amigos participam de missa realizada nesta segunda-feira (10) em homenagem ao cinegrafista da "TV Bandeirantes" Santiago Ilídio Andrade, 49. Santiago teve morte cerebral diagnosticada na manhã desta segunda-feira (10). Ele foi atingido na cabeça quando registrava o protesto, na quinta-feira (6) Fernando Maia/UOL Mais
10.fev.2014 - Missa é realizada nesta segunda-feira (10) em homenagem ao cinegrafista da "TV Bandeirantes" Santiago Ilídio Andrade, 49. Santiago teve morte cerebral diagnosticada na manhã desta segunda-feira (10). Ele foi atingido na cabeça quando registrava o protesto, na quinta-feira (6) Fernando Maia/UOL Mais
10.fev.2014 - Pessoas choram durante a missa realizada nesta segunda-feira (10) em homenagem ao cinegrafista da "TV Bandeirantes" Santiago Ilídio Andrade, 49. Santiago teve morte cerebral diagnosticada na manhã desta segunda-feira (10). Ele foi atingido na cabeça quando registrava o protesto, na quinta-feira (6) Fernando Maia/UOL Mais
10.fev.2014 - Cinegrafistas registram missa realizada nesta segunda-feira (10) em homenagem ao cinegrafista da "TV Bandeirantes" Santiago Ilídio Andrade, 49. Santiago teve morte cerebral diagnosticada na manhã desta segunda-feira (10). Ele foi atingido na cabeça quando registrava o protesto, na quinta-feira (6) Fernando Maia/UOL Mais
11.fev.2014 - A Polícia Civil do Rio de Janeiro divulgou uma foto do homem suspeito de ter arremessado um rojão contra o cinegrafista Santiago Andrade, que morreu nesta segunda-feira (10) por conta dos ferimentos causados pela explosão. Divulgação/Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro Mais
11.fev.2014 - Após se reunir com entidades de comunicação em Brasília, o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, anunciou nesta terça-feira (11) a formação de um grupo de trabalho para discutir medidas e propor políticas que garantam a segurança de jornalistas, fotógrafos e cinegrafistas no exercício do seu trabalho, incluindo durante protestos. Segundo Cardozo, farão parte do grupo empresários da área de comunicação, representantes dos profissionais, do Ministério da Justiça e especialistas em segurança pública Pedro Ladeira/Folhapress Mais
11.fev.2014 - Jornalistas, cinegrafistas e fotógrafos de Curitiba (PR) colocam equipamentos no chão e fazem minuto de silêncio, na Boca Maldita (centro da cidade), em homagem ao colega Santiago Andrade, da "TV Bandeirantes", morto nesta segunda-feira (10). O cinegrafista foi atingido por rojão quando cobria um protesto contra o aumento da tarifa de ônibus no Rio de Janeiro, na última quinta-feira (6) Paulo Lisboa/Paulo Lisboa/Brazil Photo Press Mais
11.fev.2014 - Jornalistas, cinegrafistas e fotógrafos de Curitiba (PR) colocam equipamentos no chão e fazem um minuto de silêncio, na Boca Maldita (centro da cidade), em homagem ao colega Santiago Andrade, da "TV Bandeirantes", morto nesta segunda-feira (10). O cinegrafista foi atingido por rojão quando cobria um protesto contra o aumento da tarifa de ônibus no Rio de Janeiro, na última quinta-feira (6) Gisele Pimenta / Frame / Agência O Globo Mais
11.fev.2014 - A manifestante Elisa Quadros, conhecida como "Sininho", é cercada por jornalistas nesta terça-feira (11) ao deixar a 17ª DP, em São Cristóvão, na zona norte do Rio de Janeiro, após prestar depoimento sobre a morte do cinegrafista da "TV Bandeirantes", na última segunda-feira (10). Santiago Andrade foi atingido por um rojão quando cobria um protesto contra aumento da tarifa de ônibus na última quinta-feira (6). À polícia, a manifestante disse que não conhece Caio Silva de Souza, suspeito de ter acendido o artefato que matou o cinegrafista Domingos Peixoto / Agência o Globo Mais
11.fev.2014 - Cartaz do Disque-Denúncia do Rio de Janeiro pede informações que levem à captura de Caio Silva de Souza, considerado pela polícia como principal suspeito de ter acendido o rojão que matou o cinegrafista Santiago Andrade, da "TV Bandeirantes", na última quinta-feira (6), durante protesto contra aumento da tarifa de ônibus na capital. O cinegrafista morreu nesta segunda-feira (10), no Hospital Souza Aguiar, também no Rio. Caio Silva de Souza é considerado foragido Polícia Civil do Rio/Divulgação Mais
12.fev.2014 - Suspeito de acender o rojão que matou o cinegrafista da Band, Caio Silva de Souza (de óculos) conversa com seu advogado no aeroporto de Salvador, onde embarcou com destino ao Rio. Souza foi preso na madrugada desta quarta-feira na cidade de Feira de Santana (BA), a cerca de 100 quilômetros da capital baiana Reprodução/TV Globo Mais
12.fev.2014 - O suspeito de acender o rojão que matou o cinegrafista da "Band" Santiago Ilídio Andrade, Caio Silva de Souza, 22, chegou ao aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro por volta das 8h45 desta quarta-feira (12). Ele saiu de Salvador (BA), às 7h, em um voo comercial. O jovem foi preso na madrugada desta quarta-feira na cidade de Feira de Santana (BA), a cerca de 100 quilômetros de Salvador Thiago Lontra /Agência Globo Mais
12.fev.2014 - Caio da Silva Souza, suspeito de acender o rojão que matou o cinegrafista da Band, Santiago Andrade, na última quinta-feira (6), é apresentado pela polícia do Rio de Janeiro Daniel Marenco/Folhapress Mais
12.fev.2014 - Em imagem de arquivo divulgada nesta quarta-feira (12), Caio Silva de Souza, 22, suspeito de acender o rojão que matou o cinegrafista Santiago Andrade, da "TV Bandeirantes" em um protesto no Rio de Janeiro na última quinta-feira (7), enfrenta funcionários da estação de trem Central do Brasil (centro da cidade). Caio foi preso nesta madrugada, na cidade de Feira de Santana (BA) e trazido para o Rio, onde vai responder acusação pelo crime Rudy Trindade / Frame / Agência O Globo Mais
12.fev.2014 - Em imagem de arquivo divulgada nesta quarta-feira (12), Caio Silva de Souza, 22, suspeito de acender o rojão que matou o cinegrafista Santiago Andrade, da "TV Bandeirantes" em um protesto no Rio de Janeiro na última quinta-feira (7), enfrenta funcionários da estação de trem Central do Brasil (centro da cidade). Caio foi preso nesta madrugada, na cidade de Feira de Santana (BA) e trazido para o Rio, onde vai responder acusação pelo crime Rudy Trindade / Frame / Agência O Globo Mais
13.fev.2014 - O corpo do cinegrafista da "Band" Santiago Ilídio Andrade, 49, morto nesta segunda-feira (10) começou a ser velado por volta de 8h20 desta quinta-feira (13), no cemitério do Caju, no Rio de Janeiro Antonio Scorza/UOL Mais
13.fev.2014 - Arlita Andrade chega ao velório do marido, o cinegrafista Santiago Andrade, morto na segunda-feira (10) no cemitério Memorial do Carmo, no Caju, Rio de Janeiro, nesta quinta-feira (13). O cinegrafista será cremado por volta do meio-dia Antonio Scorza/UOL Mais
13.fev.2014 - Arlita Andrade chega ao velório do marido, o cinegrafista Santiago Andrade, morto na segunda-feira (10) no cemitério Memorial do Carmo, no Caju, nesta quinta-feira (13). O cinegrafista será cremado por volta do meio-dia Antonio Scorza/UOL Mais
13.fev.2014 - Coroas de flores são vistas no velório do cinegrafista Santiago Andrade, que morreu na segunda-feira (10), no cemitério Memorial do Carmo, no Caju, nesta quinta-feira (13). O cinegrafista será cremado por volta do meio-dia Antonio Scorza/UOL Mais
13.fev.2014 - Jornalista da Band chora durante o velório do colega Santiago Ilídio Andrade, 49, no cemitério Memorial do Carmo, no Caju, Rio de Janeiro, nesta quinta-feira (13). O cinegrafista teve morte cerebral diagnosticada na manhã de segunda-feira (10). Ele foi atingido na cabeça quando registrava um protesto, na quinta-feira (6) Antonio Scorza/UOL Mais
13.fev.2014 - Arlita Andrade recebe o abraço de amigos durante o velório do marido, o cinegrafista Santiago Andrade, morto na segunda-feira (10). O corpo está sendo velado no cemitério Memorial do Carmo, no Caju, Rio de Janeiro, nesta quinta-feira (13). O cinegrafista será cremado por volta do meio-dia Antonio Scorza/UOL Mais
13.fev.2014 - Arlita Andrade veste uma camisa do Flamengo durante o velório do marido, o cinegrafista Santiago Andrade, morto na segunda-feira (10) no cemitério Memorial do Carmo, no Caju, Rio de Janeiro, nesta quinta-feira (13) Antonio Scorza/UOL Mais
13.fev.2014 - Amigos e parentes acompanham o velório de Santiago Ilídio Andrade, 49, no cemitério Memorial do Carmo, no Caju, Rio de Janeiro, nesta quinta-feira (13). O cinegrafista teve morte cerebral diagnosticada na manhã de segunda-feira (10). Ele foi atingido na cabeça quando registrava um protesto, na quinta-feira (6) Antonio Scorza/UOL Mais
13.fev.2014 - Vanessa Andrade filha do cinegrafista Santiago Ilídio Andrade, morto ao ser atingido na cabeça durante um protesto, conversa com amigos durante o velório no cemitério Memorial do Carmo, no Caju, Rio de Janeiro, nesta quinta-feira (13) Antonio Scorza/UOL Mais
13.fev.2014 - Amigos e parentes acompanham o velório de Santiago Ilídio Andrade, 49, no cemitério Memorial do Carmo, no Caju, Rio de Janeiro, nesta quinta-feira (13). O cinegrafista teve morte cerebral diagnosticada na manhã de segunda-feira (10). Ele foi atingido na cabeça quando registrava um protesto, na quinta-feira (6) Antonio Scorza/UOL Mais
13.fev.2014 -Policiais do Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais) acompanham o velório de Santiago Ilídio Andrade, 49, no cemitério Memorial do Carmo, no Caju, Rio de Janeiro, nesta quinta-feira (13). O cinegrafista teve morte cerebral diagnosticada na manhã de segunda-feira (10). Ele foi atingido na cabeça quando registrava um protesto, na quinta-feira (6) Antonio Scorza/UOL Mais
13.fev.2014 - A ONG Rio de Paz realizou uma homenagem ao cinegrafista Santiago Ilídio Andrade, 49, na praia de Copacabana, na zona sul do Rio de Janeiro, na manhã desta quinta-feira (13). Ele morreu na segunda-feira (10), vítima de ferimentos provocados ao ser atingido por um rojão enquanto cobria um protesto na última quinta-feira (6) no centro do Rio Adriano Ishibashi/Agência Frame/Agência O Globo Mais
Um homem passa por uma câmera em flores na areia da praia de Copacabana, na zona sul do Rio de Janeiro, em homenagem ao cinegrafista da TV Bandeirantes Santiago Andrade, que morreu após ser atingido por um rojão enquanto cobria o protesto contra o aumento das passagens de ônibus no Rio Silvia Izquierdo/AP Mais
13.fev.2014 - Dentro do plenário da Câmara dos Deputados, em Brasília, cinegrafistas fizeram nesta quinta-feira (13) uma homenagem ao cinegrafista da TV Bandeirantes Santiago Andrade, morto após ser atingido por um rojão durante protesto contra o aumento da tarifa dos ônibus no Rio de Janeiro Alan Marques/Folhapress Mais