Busca BOL

Sábado, 25 de outubro de 2014

BOL Notícias

Corpo de João Paulo II é exumado para cerimônia de beatificação

ANSA
CIDADE DO VATICANO, 29 ABR (ANSA) - O caixão do papa João Paulo II foi desenterrado nesta manhã e levado para tumba de São Pedro, onde permanecerá até a manhã de domingo, 1 de maio, dia de sua beatificação, segundo fontes vaticanas informaram à ANSA.

O ataúde foi colocado sobre um carrinho, que será levado no domingo para a basílica, em frente ao altar central. As Grutas Vaticanas, cemitério papal localizado na Basílica de São Pedro, foram fechadas hoje e só serão reabertas depois da beatificação.

Após a celebração, o caixão de Karol Wotyla será transferido para a Igreja de São Sebastião, onde será enterrado em um vão com uma lápide simples de mármore, com a escrita em latim: Beatus Ioannes Paulus II.

Desde que João Paulo II foi enterrado nas Grutas Vaticanas, em 2005, a Basílica de São Pedro passou a receber diariamente 12 mil visitantes. No local foram enterrados outros pontífices, como de Calisto III, Bonifácio VIII, Nicolau III, Inocêncio VII, Nicolau V, Paulo II, Paulo VI, Marcelo II, João Paulo I, Inocêncio IX, entre outros.

Para a cerimônia de beatificação de Wojtyla, que ocorre seis anos após seu falecimento, são aguardadas cerca de um milhão de pessoas de fora de Roma, além dos próprios moradores da capital italiana. A cidade reorganizou seu sistema de transporte, segurança e hoteleiro para receber os visitantes, além de ter decorado as ruas com retratos do primeiro papa polonês da história da Igreja Católica.

As atividades relacionadas a sua beatificação começam já amanhã, com uma vigília das 21h às 22h30 locais (das 17h às 18h30 no horário de Brasília), e será presidida pelo Vigário Geral de Sua Santidade para a diocese de Roma, o cardeal Agostino Vallini, no Circo Massimo de Roma. A preparação ocorrerá das 20h às 21h locais (das 16h às 17h no horário de Brasília).

A celebração de beatificação ocorrerá no domingo, 1 de maio, às 10h locais (6h no horário de Brasília) na Praça São Pedro, e será presidida pelo papa Bento XVI. O enterro dos restos mortais do então novo beato ocorrerá no dia seguinte, em uma cerimônia que não será aberta ao público.
Publicidade

Emprego Certo

Procurar por emprego