Oito pessoas com quem Galvão Bueno já se desentendeu

Colaboração para o BOL

  • Globo/João Miguel Júnior

Neste sábado (21/7/2018), o narrador esportivo Galvão Bueno completa 68 anos. Na trajetória de sucesso há também muitas picuinhas. Confira algumas brigas do profissional.


Leia também:

Reuters
Reuters

1

Mick Jagger

Embora a briga tenha sido indireta, deu o que falar. Este ano, durante transmissão da Copa do Mundo, Galvão Bueno resolveu fazer uma referência ao fato de Mick Jagger, líder dos Rolling Stones, ser "pé frio". Quem não gostou nada foi Lucas Jagger, filho de Mick com Luciana Gimenez, que comentou em uma foto do narrador ao lado de Casagrande e Arnaldo Cezar Coelho: "Casagrande é herói. Galvão não". Luca Bueno, filho de Galvão, não gostou nada e comprou a briga e, para defender o pai, comentou em inglês para que o outro garoto relaxasse. Até Luciana Gimenez resolveu entrar na discussão: "Ridículo esse bullying com o pai do meu filho! Quem deu azar ao Brasil? Nós temos que parar de culpar os outros e tomar responsabilidades", escreveu Luciana
Reprodução/YouTube/Tá Ligado
Reprodução/YouTube/Tá Ligado

2

Comissário de bordo russo

Durante viagem à Rússia este ano, o narrador brigou com funcionários de um trem que ia de Moscou para São Petersburgo, e a situação viralizou na internet. Supostamente, ele estaria tentando conseguir um assento mais caro, na classe executiva e acabou se alterando e elevando o tom de voz ao se dirigir a um profissional. Galvão usou as próprias redes sociais, em junho, para comentar o ocorrido: "Estou muito bem acompanhado, no trem, na boa... Inventaram uma discussão que não existiu. Só estava procurando o meu lugar. Está tudo em paz, tranquilo e numa boa", afirmou em um vídeo ao lado de Fernanda Gentil
Manu Fernandez/AP
Manu Fernandez/AP

3

Neymar

Menino Ney também não ficou de fora. Após críticas ácidas em 2016, quando o jogador se recusou a falar com a imprensa depois que o Brasil empatou com o Iraque na Olimpíada do Rio, a relação entre os dois ficou abalada. Quando a seleção conquistou a medalha de ouro na competição, Neymar chegou a mandar um recado, que foi interpretado como sendo para Galvão: "A gente foi muito criticado, mas vão ter que me aturar. Eu respondi todas as críticas com o futebol, vocês vão ter que me engolir", no melhor estilo Zagallo. Com a Copa do Mundo deste ano, o narrador voltou a se posicionar contra o comportamento do craque em campo, dessa vez no jogo contra a Costa Rica. A própria Globo teria interferido para acabar com as rusgas, costurando um jantar entre o comentarista e o pai de Neymar
Zé Paulo Cardeal/Divulgação/TV Globo
Zé Paulo Cardeal/Divulgação/TV Globo

4

Tande

Durante a transmissão da Olimpíada em 2016, o clima pesou entre Galvão Bueno e o comentarista Tande. Durante a cobertura de um jogo de vôlei de praia entre Brasil e Itália, o narrador resolveu fazer uma brincadeira duvidosa ao se referir ao ex-atleta: "Vamos falar com nosso campeão olímpico, também, meu querido amigo Tande, que jogava pouco, mas na praia não foi lá essas coisas, não". Sem perder tempo o apresentador do Esporte Espetacular rebateu na lata: "Fui campeão mundial e você não lembra disso", em referência ao Circuito Mundial em 2001. Galvão bem que tentou contornar, mas o clima entre eles pesou
Wallace Barbosa/AgNews
Wallace Barbosa/AgNews

5

Glória Maria

Ainda na Olimpíada de 2016, o clima ficou tenso entre o jornalista esportivo e Glória Maria e os dois acabaram trocando alfinetadas durante a transmissão da cerimônia de abertura do evento. Em determinado momento, Galvão comentou que tinha visto travesseiros sendo usados e foi rapidamente corrigido pela colega: "São tambores". Em outra ocasião, que retratava a chegada de um grupo de imigrantes, o narrador foi rápido em dizer que eram os japoneses, sendo, novamente, interrompido por Glória: "Asiáticos". Depois, quando a jornalista tentava comentar algo, o profissional resolveu que era hora de fazer silêncio, cortando a fala alheia: "Vamos falar pouco agora e observar. Vamos ouvir, Glória!", ordenou
Reprodução/Instagram
Reprodução/Instagram

6

Rivaldo

Em 2014, o jogador Rivaldo usou a derrota do Brasil para a Holanda, na Copa, para mandar um recado nada amistoso para Galvão Bueno em suas redes sociais. "Não preciso do seu reconhecimento, Galvão Bueno. O povo brasileiro e o mundo sabem da minha importância para a história da seleção brasileira e do futebol mundial. Nunca precisei puxar saco de ninguém da mídia. Fiz meu papel e muito bem feito. E você, Galvão, sabe muito bem o porquê estou falando isso. #desabafo", declarou Rivaldo, deixando no ar o motivo para a declaração
Reprodução/Na Telinha
Reprodução/Na Telinha

7

Renato Maurício Prado

O jornalista Renato Maurício Prado foi afastado do canal SporTV depois de um bate-boca ao vivo com Galvão Bueno durante o programa Conexão SporTV em 2012. Renato revelou em tom de brincadeira que, o até então amigo, teria feito um comentário nos bastidores afirmando que se a União Soviética não tivesse boicotado os Jogos Olímpicos de 1984, o Brasil não teria levado a medalha de prata no vôlei masculino. O narrador teve um ataque ao contestar que jamais havia dito tal coisa, mas deixou escapar na sequência que uma brincadeira fora do ar é outra história. A situação ficou insustentável e, posteriormente, o jornalista acabou deixando o canal de vez. "Se isso [sucesso] subiu à cabeça [de Galvão] ou não, não sou eu que vou dizer. Só lamento que, amigo meu de 30 anos, não se mostrou disposto, interessado, depois de iniciativa dele, de sentar, conversar e zerar a pedra. Até os deuses têm amigos. Mas tem de se portar como amigo", declarou o jornalista ao UOL
Rodrigo Capote-07.nov.2010/Folhapress
Rodrigo Capote-07.nov.2010/Folhapress

8

Desirée Soares

Nem a própria esposa Desirée escapou do gênio de Galvão Bueno. Os dois protagonizaram uma briga em público durante um show do cantor Luan Santana em 2011, de acordo com o jornal O Dia. Segundo a publicação, o narrador esportivo teria jogado champanhe no rosto da esposa, que caiu sentada em um sofá que havia no camarote