Busca BOL

Domingo, 22 de outubro de 2017

BOL Notícias

No Pará, PF prende psicólogo que aliciava menores via internet

Lucas Azevedo
Especial para o UOL Notícias
Em Porto Alegre

Agentes da Polícia Federal (PF) no Rio Grande do Sul prenderam em Belém (PA) um psicólogo suspeito de aliciar menores pela internet. A prisão, realizada na tarde desta terça-feira (7), ocorreu após investigação iniciada em 15 de abril, em Porto Alegre. Na ocasião, um menino de 13 anos procurou a PF e denunciou o homem, de 29 anos, que induzia garotos a se despirem em frente à webcam.

Um amigo do menino denunciante, da mesma idade, estaria sendo chantageado pelo psicólogo para que produzisse mais imagens íntimas.

Através do e-mail do acusado, os agentes descobriram que ele aliciava outros menores, produzindo material pornográfico. Com auxílio de policiais federais do Pará, foi cumprido mandado de prisão preventiva e de busca e apreensão expedidos pela Justiça Federal de Porto Alegre, na chamada “Operação Efebo”.

Na casa do acusado foram encontradas imagens de pornografia envolvendo menores.

O psicólogo, que não teve o nome divulgado, foi conduzido a Porto Alegre e será indiciado por produção, posse e transmissão de imagens de pornografia infantil, além de aliciamento de menores pela internet.

Segundo a Superintendência da PF no Rio Grande do Sul, o nome da operação faz referência ao termo “efebo”, surgido entre os gregos para designar o jovem do sexo masculino que era iniciado na vida sexual por um homem mais velho.

Publicidade

Emprego Certo

Procurar por emprego