Busca BOL

Terça-feira, 25 de junho de 2019

BOL Notícias

Em SP, Dilma diz que país está fazendo 'faxina da miséria'

DANIELA LIMA
DE SÃO PAULO

Em um evento no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo, a presidente Dilma Rousseff participou nesta quinta-feira do lançamento do plano Brasil Sem Miséria para Reunião Sudeste.

Ao lados dos governadores de São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo e Minas Gerais, Dilma chamou o evento de pacto republicano por unir governo e oposição.

"É o Brasil inteiro fazendo de fato a faxina que deve ser feita: a faxina da miséria", diz a presidente, em paralelo ao termo que vem sendo usado em sua administração na tentativa de combater a corrupção.

Roberto Stuckert Filho/Divulgação/Presidência
Ao lado dos governadores de MG, SP, RJ e ES, Dilma participou de cerimônia sobre acordo para programa Brasil Sem Miséria
Ao lado dos governadores de MG, SP, RJ e ES, Dilma participou de cerimônia sobre o programa Brasil Sem Miséria


O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), não poupou elogios para a petista.

Ele enalteceu a "generosidade" e o "patriotismo" da presidente. Alckmin ainda destacou o "espírito conciliador" de Dilma. Segundo o governador, o programa contra a miséria é uma "avanço para o Brasil".

"Ultrapassamos um período de disputa política para unir esforços em favor dos que mais precisam", disse.

É a primeira vez que o governo federal sob administração petista se une ao governo paulista, sob controle dos tucanos, em um programa de combate a pobreza.

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) foi convidado por Dilma para ficar na mesa autoridades.

O tucano não discursou, mas foi citado nos discursos da presidente e dos governadores.

Entre as medidas anunciadas está a unificação dos programas regionais de São Paulo e Rio --Renda Cidadã-- com o Bolsa Família.

Os governadores de Minas e Espírito Santo também divulgaram medida para reduzir a pobreza.

Publicidade

Emprego Certo

Procurar por emprego