Busca BOL

Sexta-feira, 25 de maio de 2018

BOL Notícias

Dilma diz que não vai tratar MST como 'caso de polícia', mas condena invasões


Da Redação
Em São Paulo

A presidente eleita, Dilma Rousseff, disse em entrevista coletiva nesta quarta-feira que não vai tratar o MST (movimento dos sem-terra) como "caso de polícia", mas não vai permitir invasões em áreas produtivas.

"O MST não é um caso de polícia. Agora, eu não compactuo com ilegalidade, nem com invasão de prédios públicos, nem com invasão de propriedades que estão sendo produtivamente administradas", afirmou.

Segundo ela, o país tem terras suficientes para continuar fazendo a reforma agrária. A presidente eleita disse que a política do governo tem garantido que os assentados tenham renda suficiente.

"Temos de fazer uma revolução no campo, no sentido de transformar os agricultores em proprietários. Resolver o problema dos sem-terra é criar milhões de pequenos proprietários que farão com que o tecido social no setor rural brasileiro seja mais democrático."

As declarações foram feitas durante a primeira entrevista coletiva de Dilma após vencer as eleições presidenciais.

 

Placar Eleições 2010

Vídeos de Eleições 2010

Carregando vídeos

Enquete

Carregando enquete...
Computando seu voto...
Carregando resultado
  • 9345
  • simples
  • false
Publicidade

Emprego Certo

Procurar por emprego