Busca BOL

Segunda-feira, 16 de setembro de 2019

BOL Notícias

Um passeio pela casa mal-assombrada de "American Horror Story"

VITOR MORENO
ENVIADO ESPECIAL A LOS ANGELES

Já falei na "Ilustrada" o sucesso que a série "American Horror Story" está fazendo nos Estados Unidos. Depois da estreia aqui no Brasil, várias pessoas me perguntaram sobre como foi a visita ao set de filmagens, que fica nos estúdios da Paramount, em Los Angeles.

Conheça os cenários de "American Horror Story"

A casa mal-assombrada do seriado fica bem do lado do estúdio de "Glee". Isso é muito importante para que os produtores executivos Ryan Murphy e Brad Falchuk consigam tocar as duas séries ao mesmo tempo.

O Ryan, aliás, disse que não considera que o universo dos dois seriados não é completamente diferente.

"Um é sobre primeiras vezes e o outro é sobre últimas vezes", brincou.

Já o Brad afirmou que o projeto do seriado de terror era acalentado por ambos há bastante tempo.

"É um projeto anterior ao de 'Glee'", revelou, ao explicar por que Ian Brennan, o terceiro criador da série musical, não está envolvido.

Divulgação
Denis O'Hare em "American Horror Story"
Denis O'Hare, o Larry Harvey de "American Horror Story", cuja prótese é motivo para o ar-condicionado gelado


CLAUSTROFOBIA

O piloto da série foi gravado em uma casa real, que foi totalmente reproduzida em estúdio depois que a série ganhou sinal verde da Fox.

Ficou quase igual, mas alguns detalhes entregam que não se trata de uma casa real.

Um dos que chama mais a atenção, mais do que a ausência de teto em alguns cômodos, são os vitrais. Eles foram fotografados na casa de verdade e impressos em papel. Duvido que quem vê pela TV consiga notar a diferença.

O mármore de pisos e tampos de móveis também é falso, e bem levinho.

Alguns cômodos mudaram completamente de lugar, como explicou o cenógrafo Mark Worthington, que foi quem acompanhou o grupo de jornalistas durante a visita.

A cozinha foi remodelada, bem como a sala de jantar. O escritório de Ben (Dylan McDermott) era a sala da casa original.

Mark revelou alguns truques que ajudam a criar, por meio do cenário, o clima claustrofóbico da série, como os vidros temperados, que deixa a casa sem vista para o lado exterior.

Mesmo nesse ambiente tão tenebroso, o que dá mesmo frio na espinha --e no resto do corpo todo-- é o ar-condicionado geladíssimo do estúdio.

Ryan Murphy explica que é para não derreter as próteses usadas pelos atores, como o rosto queimado de Larry Harvey (Denis O'Hare).

Alguns dos atores da série conversaram comigo para contar como estavam sendo as filmagens. Esses e outros bate-papos, além de outras curiosidades sobre os bastidores da TV nos Estados Unidos, podem ser acompanhados em reportagens especiais aqui no "F5".

O jornalista VITOR MORENO viajou a convite da Fox

Enquete

Carregando enquete...
Computando seu voto...
Carregando resultado
  • 5779
  • simples
  • false
Publicidade

Emprego Certo

Procurar por emprego