Busca BOL

Quinta-feira, 13 de dezembro de 2018

BOL Notícias

Boa e Avaí "esquentam" jogo nos 20 minutos finais e empatam por 2 a 2 na estreia

Do UOL, em Belo Horizonte

A estreia do Boa Esporte e Avaí na série B do Campeonato Brasileiro de 2012, neste sábado, foi morno durante 70 minutos e marcado pelo equilíbrio até o final. Porém, os 20 minutos decisivos ganharam em emoção e os quatro gols, dois de cada lado, definiram o empate por 2 a 2, em Varginha.

Os dois rivais entraram em campo, na estreia da série B, em momentos diferentes. Enquanto o Avaí vinha de título estadual, o Boa foi eliminado na primeira fase do Campeonato Mineiro. Porém, em campo, a partida foi marcada pelo equilíbrio e igualdade de forças dos dois clubes, que revezaram no placar.

Depois da campanha surpreendente na Segunda Divisão nacional ano passado, o Boa Esporte não conseguiu repetir a dose no Campeonato Mineiro e terminou apenas na oitava colocação na fase de classificação, ficando longe do G4 e, consequentemente, da disputa da semifinal do certame. O time de Varginha somou apenas 12 pontos em 33 possíveis, com aproveitamento de 36%.

Lanterna do Brasileirão em 2011, quando somou apenas 31 pontos em 38 jogos, com aproveitamento de 27%, o Avaí começou bem a atual temporada, com a conquista do título catarinense, batendo o rival Figueirense, duas vezes, por 3 a 0 e 2 a 1. Porém, a estreia na competição nacional não foi a esperada.

O primeiro tempo da partida teve pouca emoção. Os dois times procuraram se defender e deram mais importância para marcação. O Boa teve a melhor chance, quando Marcelo Macedo acertou o travessão do goleiro Diego. Já o Avaí levou algum perigo com Cleber Santana, principal peça de armação.

O lance da primeira etapa que mais animou os torcedores no estádio Melão, foi o tombo do auxiliar Luiz Antônio Muniz de Oliveira, na reta final. Apesar do tombo, o bandeira não teve nenhuma lesão e seguiu na partida. “Primeiro tempo ruim, a equipe deles está marcando bem a gente está atacante pouco”, disse o lateral direito Patric do Avaí.

O segundo tempo voltou pouco mais animado. O Avaí perdeu a primeira boa oportunidade, com o lateral direito Patric, que frente a frente com Max, errou a finalização. Aos 12 minutos, o Boa abriu o marcador, com Marcelo Macedo, mas o juiz anulou, assinalando falta do atacante.

Aos poucos, o Avaí se soltou na partida e tentou pressionar o Boa, que melhorou um pouco com a entrada de Francismar no time titular. Aos 32 minutos, o experiente Cleber Santana abriu o marcador em jogada individual, acertando uma finalização de fora da área. Mas a resposta do time da casa veio logo, em cobrança de falta, Radamés empatou o jogo.

Porém, a moção da reta final não terminou ai. O Boa Esporte conseguiu a virada, aos 42 minutos, com Marcelo Macedo. Quando a torcida do time da casa gritava "time de guerreiro", o Avaí mostrou força e chegou novamente a igualdade, com gol assinalado por Pirão, definindo o placar final.

BOA ESPORTE 2 X 2 AVAÍ

BOA ESPORTE

Max; Neilson, Neylor, Welton Felipe e Radar (Luiz Felipe); Claudinei, Radamés, Jajá (Francismar) e Yuri (Gabriel Davis); Marcelo Macedo e Vanger

Técnico:Sidney Moraes

AVAÍ
Diego; Patric, Leandro Silva, Renato Santos e Pirão; Bruno, Mika, Cleber Santana e Robinho (Diogo Orlando); Felipe Alves e Nunes (Ronaldo).

Técnico: Hemerson Maria

Data:19/5/2012 (sábado)
Local: Melão, em Varginha (MG)
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (RJ)

Auxiliares: Luiz Antônio Muniz de Oliveira (RJ) e Luiz Cláudio Regazone (RJ)

Cartões amarelos: Felipe Alves, Robinho(A) Neilson, Neylor, Francismar(B)

Gols: Cleber Santana (32 min), Pirão (45 min), Radamés (35 min) e Marcelo Macedo (42 min 2º tempo)

Vídeos de Esporte

Carregando vídeos

Publicidade

Emprego Certo

Procurar por emprego