A história do Land Rover Defender

Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://noticias.bol.uol.com.br/fotos/entretenimento/2016/01/29/a-historia-do-land-rover-defender.htm
  • totalImagens: 18
  • fotoInicial: 13
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20160129142855
    • Land Rover [29948];
    • Land Rover [29948];
Fotos

Após 68 anos de história, Land Rover produz última unidade do clássico utilitário Defender na fábrica de Solihull (Reino Unido); evento contou com a presença de mais de 700 funcionários do complexo Divulgação Mais

Usando praticamente a mesma base de 1948 a 2016, utilitário mudou algumas vezes de nome: já se chamou Série I (1948 a 58), Série II (58 a 71), Série III (71 a 85), Land Rover 90, 110 e 127 (1983 a 1990) e, enfim, Defender (1990 a 2016); de lá para cá foram produzidas (e vendidas) mais de 2 milhões de unidades Divulgação Mais

Peças da última unidade do Defender foram montadas "ao vivo" na presença de funcionários e jornalistas; ela faz parte de uma série especial chamada 90 Heritage Soft Top, contém peças do Série I de 1948 e ficará no museu oficial da fábrica Divulgação Mais

Desenhado pelos irmãos Spencer e Maurice Wilks, Land Rover Series surgiu em 1947 como um veículo rural da Rover Company (ou seja, o "Land" fazia então parte do nome do modelo, não da marca); a produção começou no ano seguinte e a primeira unidade foi vendida durante o Salão de Amsterdã, pela bagatela de 450 libras (R$ 2.500) Divulgação Mais

Oferecido em configurações wagon e picape, sempre com 2 metros de entre-eixos, motor 1.6 a gasolina de 50 cv, transmissão manual de quatro marchas e tração 4x4, modelo logo ficou conhecido por sua valentia e passou a ser o xodó de expedicionistas Divulgação Mais

Land Rover Série II chegou em 1958 já oferecendo motores maiores, 2.2 a gasolina ou 2.6 a diesel, e entre-eixos esticado pata até 2,77 metros Divulgação Mais

Dentro da Série II, Land Rover criou uma configuração cabine para ser usada em caminhões e veículos de transporte militar Divulgação Mais

Land Rover Série III usava mesma carroceria e motores do Série IIA (incluindo um V8 3.5 a gasolina), mas já incluía câmbio com sistema de marcha reduzida para o offroad e tração 4x4 com seletor Divulgação Mais

Sucesso do utilitário foi tanto que ele passou a ser usado por diversos órgãos oficiais do governo britânico Divulgação Mais

Em 1983, Land Rover trocou o Series por números para identificar o modelo: 90, 110 e 127; os códigos indicavam o entre-eixos de cada configuração em polegadas Divulgação Mais

As mais bizarras modificações, oficiais ou não, foram feitas para testar a versatilidade do modelo: uma delas, construída pela Land Rover em 1989 para uma expedição e batizada de "amphibius", transformou um 90 num veículos capaz de andar sobre a água Divulgação Mais

Somente em 1990, com a consolidação da marca Land Rover e a chegada de outros dois modelos, Discovery e Range Rover, foi preciso dar um novo nome ao tradicional utiliário, que passou a se chamar Defender Divulgação Mais

Sob o novo nome, linha continuou a ser oferecida com três tipos diferentes de entre-eixos, duas ou quatro portas, e opção de carroceria wagon ou picape; Com o passar dos anos, a gama ganhou opções de motor turbodiesel (o clássico Td5) e de transmissões de cinco ou seis velocidades (manuais); até caixa automática de quatro marchas passou a ser oferecida Divulgação Mais

Em 2007, sob a gestão da Ford na Land Rover, o Defender recebeu mudanças visuais e de motorização, para se alinhar aos novos parâmetros de eficiência energética; o velho Td5 deu lugar à gama DuraTorq da Ford Divulgação Mais

Defender começou a ser vendido no Brasil em 1990, após liberação das importações, e chegou a ser montado localmente de 1998 a 2005, na hoje desativada fábrica da Karmann-Ghia em São Bernardo do Campo (SP) -- sempre com o motor 300 TDI de 2,5 litros; depois voltou a ser importado, entre 2006 e 2012, quando teve a venda descontinuada Diogo de Oliveira/Carta Z Notícias Mais

Para acabar com paisagens como esta, de vários Defender abandonados no Uruguai, fábrica de Solihull terá um espaço com 12 funcionários reservado para restaurações oficiais Divulgação Mais

História ainda não acabou: durante a despedida, Land Rover confirmou planos para projetar, em breve, o "New Defender" Divulgação Mais

Conceito DC100, mostrado no Salão de Frankfurt 2011, é a base para criar o New Defender Newspress Mais

Comente no Facebook