Como decorar o hall de entrada? 9 ideias criativas para o pequeno espaço

Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://noticias.bol.uol.com.br/fotos/entretenimento/2017/11/13/9-dicas-pra-deixar-o-seu-hall-charmoso.htm
  • totalImagens: 9
  • fotoInicial: 1
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20171113040000
    • Casa e Decoração [75232]; Estilo de Vida [73845]; Instagram [53042]; Estilo - Instagram [78637];
Fotos

Neste exemplo idealizado pela arquiteta Dora de Luca, o espaço ficou jovem e urbano, graças ao grafite do artista plástico Loro Verz. Outra solução criativa é a pintura colorida, que transforma qualquer espaço Guilherme Marcato/ Estúdio São Paulo Mais

Use quadros, esculturas e fotos para dar mais estilo ao ambiente, como neste hall assinado pela arquiteta Andréa Gonzaga. Repare: sobre a parede neutra, a tela de Rosana Vaz e a porta laqueada se destacam Douglas Daniel Mais

Peça sempre bem-vinda em halls, o aparador é um coringa que recebe objetos e completa a decoração. Aqui, Roberta Zimmermann usou o móvel para apoiar o vaso e os candelabros. Outro detalhe que traz personalidade ao ambiente é o tapete Fernando Willadino Mais

Papel de parede é um ótimo recurso, como explica Roberta Zimmermann, pois "você pode 'vestir' o hall e depois trocar a roupa dele, quando enjoar". Este, planejado pelo designer Oscar Mikail, ficou sofisticado graças à combinação do papel de arabescos e o mármore do piso, recortado em forma de tapete pela De Friuli João Ribeiro Mais

Se o hall é uma área da que permite ousadia, por que não adotar materiais inusitados? O arquiteto José Ricardo Basiches, neste exemplo, recorreu a telhas onduladas e ao espelho no teto para criar um efeito cenográfico. No piso, o porcelanato padrão concreto fecha a proposta em estilo industrial icardo Bassetti Mais

Se você quer deixar o hall bonito apenas com uma bela porta, é muito fácil. São tantos modelos e acabamentos disponíveis no mercado, sem contar os puxadores e maçanetas específicas para a entrada. Na criação do escritório FigoliRavecca, o modelo de madeira rajada equipada por si só já se destaca no ambiente pintado de verde Vivi Spaco Mais

Uma alternativa para fugir do convencional é revestir ou pintar a porta do elevador, como este projeto do arquiteto Léo Shehtman, que destacou a superfície com pintura gráfica executada pela Kaur Art. Na parede, o papel em tons neutros não briga com as cores e ainda faz fundo para a luminária Rope de Christian Haas Denilson Machado Mais

Além de funcional, o projeto de iluminação pode ser lúdico. Veja essa ideia do escritório Meyer Cortez, que usou arandelas com luz indireta. Os feixes rebatem sobre o revestimento sobressaindo a textura de pedra e o design das luminárias, criando uma espécie de instalação artística no hall Rogério Cajuí Mais

Espelhar a parede não só dá a sensação de amplitude como deixa o ambiente mais iluminado. Aqui, a arquiteta Ana Luisa Previde optou por recortar o espelho e dar acabamento bisotado nas bordas. As arandelas instaladas sobre ele criam um efeito de luzes quando acesas. Para aquecer e contrastar a proposta, foi aplicado o painel de MDF padrão freijó Andre Monteiro Mais

Comente no Facebook