Como usar papel de parede em móveis, portas e até escadas; veja 15 ideias

Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://noticias.bol.uol.com.br/fotos/entretenimento/2018/06/14/15-maneiras-de-aplicar-papel-de-parede-em-moveis-portas-e-ate-escadas.htm
  • totalImagens: 15
  • fotoInicial: 1
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20180614040000
    • Universa [73845]; Inspira - Universa [78754];
Fotos

Além de ser tendência e prático de aplicar, o papel de parede também pode valorizar locais pouco aproveitados. Neste projeto do Jad Caroll Studio, por exemplo, o fundo inferior da bancada recebeu um painel adesivo que imita uma estante de livros e criou no ambiente um ar de cantinho de estudos Alex Maguire/Divulgação Mais

Sobras de revestimentos de parede também podem ser reaproveitadas. Se você não tiver uma quantidade suficiente de papel para revestir um móvel completo ou partes grandes, empregue os menores para criar detalhes. Aqui, os retalhos foram usados para forrar a base dos degraus da escada. Se quiser criar uma composição, alterne os motivos Megan Buchanan/Divulgação Mais

Repaginar o antigo bufê para deixá-lo moderninho foi a proposta da loja britânica de design Remade By Dan. Só foi preciso recortar um pedaço de papel de parede geométrico, no formato da porta de madeira e com abertura para o puxador, e aplicá-lo com cola em pó solúvel em água e específica para essa atividade Remade By Dan/Divulgação Mais

Como a decoração desta sala é neutra, o morador quis fazer do teto seu grande destaque. Nele foi aplicado um papel de parede azul com detalhes dourados para que, à noite, assim que o lustre e os abajures são ligados, as luzes rebatam de baixo para cima e criem a impressão de um céu iluminado Elizabeth Gordon/Divulgação Mais

Não só portas de mobílias se reinventam com colagens de papel e adesivo de parede. As de dentro de casa, como as que abrem em ângulo de 90 graus e as de correr, também. No projeto ao lado, como o banheiro é de frente para a cozinha, um jeito criativo de disfarçá-lo foi colar sobre sua porta uma foto da típica cabine telefônica de Londres Marcelo Ferreira/Divulgação Mais

Sabe aquela mesa simples, com tampo de uma única cor? Também dá para atualizá-la com papel de parede. O cuidado é apenas para escolher um modelo de revestimento que seja à prova de derramamento de líquidos. Uma boa pedida são os do tipo impresso em vinil Remade By Dan/Divulgação Mais

O trabalho da restauradora e artesã inglesa Catherine Flynn consiste em dar roupagem nova e vida útil a móveis de época. Na peça ao lado, datada do começo do século 20, ela lixou e pintou a superfície de amarelo e encapou as gavetas frontais com papel de parede infantil. Para o desenho sair perfeito, ela teve atenção aos encaixes Catherine Flynn/Divulgação Mais

Como a entrada deste quarto infantil é frontal e permite visualizar o espaço inteiro, principalmente o armário ao fundo, que é grande, a arquiteta Cilene Monteiro Lupi decidiu encapar suas portas com adesivo de parede. O desenho de aros de bicicleta tem a ver também com o tema presente na decoração Alexandre Oliveira/Divulgação Mais

Aqui, um papel de parede tropical, com direito a lêmures da ilha de Madagascar, na África, foi utilizado para cobrir as gavetas da cômoda. A dica para quem gosta de estampas é apenas não exagerar nas combinações. Móveis coloridos se destacam melhor em paredes neutras ou em ambientes com decoração leve Re-Loved Furniture/Divulgação Mais

Para esconder o vaso sanitário, a arquiteta Idália Daudt instalou entre ele e a pia uma porta de vidro, como uma divisória, e sobre ela colou uma impressão em película PVC fosca comprada num site de imagens. Segundo Idália, mesmo com o calor e a umidade do banheiro, o material não descola, pois foi aplicado na parte externa, no sentido contrário ao boxe Salvadore Busacca/Divulgação Mais

Neste projeto de Paula Neder, o papel de parede foi instalado no teto da cozinha e combina com os demais elementos de cor cinza. O material é da marca La Estampa Home e já vem com cola. Para aplicar, basta antes passar na superfície do teto um rolo de pintor umedecido em água, pois dessa forma se o papel for colado errado é possível descolá-lo e recolocá-lo com facilidade antes de o teto secar Denílson Machado/Divulgação Mais

Até cabeceira é possível criar com papel de parede. A arquiteta Paula Nader explica que esse modelo é da marca suíça Jacob Schlaepfer e foi criado como um tipo de ?papel-tecido?. Primeiro foi feita uma impressão no tecido e depois aplicada uma camada de holograma aluminizado que cria um efeito de brilho sutil na superfície Denílson Machado/Divulgação Mais

Neste projeto, o fundo das prateleiras instaladas no vão de um pórtico recebeu aplicação de papel de parede com padrão chevron, da marca belga Arte Walls. O padrão geométrico, apesar de clássico, descontrai e agrega movimento à decoração, marcada por linhas retas e horizontais Arte Walls/Divulgação Mais

Com a lareira desativada e ?acesa? somente por luminárias foi possível encapar toda sua estrutura. Embora existam versões de revestimento de parede que não propagam chamas (como no caso dos de cozinha), não é indicado colocá-los tão perto do fogo intenso, pois podem escurecer e estragar Arte Walls/Divulgação Mais

Mari Capeletti, fundadora da Casalille, importadora e distribuidora de tecidos e papéis de parede europeus, criou uma série de telas decorativas usando esses revestimentos. Se quiser copiar é só esticar e colar o papel em uma base, que pode ser um pedaço de madeira ou outra superfície firme, e enquadrar Nando JR/Divulgação Mais

Comente no Facebook