! Viúvo de 24 anos atribui morte de idosa de 82 à lua-de-mel - BOL Notícias

Brasil Online

Busca
Domingo, 23 de JULHO de 2017

23/10/2007 - 11h15

Viúvo de 24 anos atribui morte de idosa de 82 à lua-de-mel

Reinaldo Wavegche, o jovem argentino de 24 anos que ficou viúvo menos de um mês depois de se casar com uma idosa de 82, afirmou nesta terça-feira que sua mulher morreu em decorrência da lua-de-mel do casal, segundo reportagem do jornal argentino "Diario Uno".

"Nós tivemos uma lua-de-mel de loucos, e por isso ela está onde está", afirmou o jovem viúvo de Adelfa Volpes, em declarações à uma rádio argentina, reproduzidas pelo site do jornal.

"Mas nossa viagem foi maravilhosa, ela aproveitou muito, e é isso o que importa", afirmou Wavegche, acrescentando que não dará mais entrevistas à imprensa daqui por diante.

Reuters
Reinaldo Waveqche, 24, e Adelfa Marta Volpes, 82, mostram certidão de casamento
Reinaldo Waveqche, 24, e Adelfa Marta Volpes, 82, mostram certidão de casamento


Questionado sobre a herança que receberá, ele disse: "Isso é algo que não vou comentar, porque pertence à nossa intimidade". Adelfa não tem filhos nem parentes. O marido terá direito à pensão que ela recebia como aposentada, e à casa que deixou como herança.

Já o cardiologista Marcelo Engler, que atendeu a idosa, diz acreditar que sua morte pode ter sido causada por programas de TV que a criticavam. "Ela assistiu a programas nos quais falava-se mal dela. Estou condoído, porque ela estava se recuperando", disse o médico.

Volpes, que havia retornado recentemente da lua-de-mel no Rio de Janeiro, foi internada na quarta-feira (17) em uma clínica da Província de Santa Fé para fazer exames antes da próxima viagem prevista do casal, para a Espanha.

No sábado (20), já no hospital, ela havia sofrido um acidente vascular cerebral.

O velório foi realizado na manhã da segunda-feira (23) e, em seguida, o corpo foi levado para o Cemitério Municipal da cidade para ser cremado.

"Foi um pedido dela e cumprimos seu desejo. Todos sentimos pela situação, principalmente o Reynaldo, que sente que perdeu uma grande parte de sua vida", afirmou Elena Acuña, amiga da família, ao "Diario Uno".

"O que nos reconforta é saber que ela foi feliz e realizou um sonho", acrescentou a amiga.

Casamento

O casal ficou famoso em 28 de setembro, após a união no Registro Civil de Santa Fé e posteriormente recebeu uma bênção da Basílica de Guadalupe. Volpes convidou o rapaz a morar em sua casa depois que a mãe dele --que era sua amiga--morreu, mas a relação "mudou com o tempo", segundo ela. Eles namoraram por seis anos antes de se casarem.

Após o casamento, ambos declararam que "não se importavam" com a diferença de idade.

"Eu a amo, e ela é tudo que tenho na vida. É a pessoa que eu escolhi", declarou o jovem logo após o casamento.

Após a internação de Volpes, Wavegche disse que ficaria "de coração partido" caso ela morresse.

"Não vou me resignar e pensar que vou perdê-la. Estou rezando por ela", havia declarado o marido.

Acompanhe as notícias em seu celular: digite wap.folha.com.br

Enquete

Computando seu voto...
Carregando resultado

Total de votos: