Incêndio destrói torre com mais de 600 anos de história na China

Em Pequim

  • Lin Yiguang/ Xinhua

Um incêndio neste fim de semana na cidade de Weishan da província chinesa de Yunnan (sul do país) destruiu uma torre com mais de 600 anos de história, informou a agência oficial "Xinhua",

O fogo começou na madrugada do sábado e se prolongou durante duas horas, tempo suficiente para destruir a torre Gongchen, construção que originalmente era a porta da muralha que rodeava a cidade.

A torre, construída em 1390, durante a dinastia Ming, era um monumento protegido em nível provincial e após o incêndio só ficaram de pé algumas estruturas de madeira de seu interior.

O fogo não causou vítimas, embora tenha destruído um dos patrimônios mais importantes e visitados de Weishan.

Por enquanto as causas do incêndio são desconhecidas.

Últimas notícias Ver mais notícias