Horta comunitária estimula produção sustentável de alimentos e dieta saudável em Paraisópolis

do BOL, em São Paulo

  • Divulgação

    Associação de moradores forneceu o espaço, usado também para ensinar os moradores a espalhar a ideia

    Associação de moradores forneceu o espaço, usado também para ensinar os moradores a espalhar a ideia

O projeto Horta na Laje, lançado no começo de junho na comunidade de Paraisópolis, em São Paulo, ensina aos moradores da região técnicas de plantio de hortaliças em vasos, com o objetivo de promover a alimentação saudável a partir do cultivo sustentável de alimentos.

Resultado de uma maratona global de voluntariado contra a fome e a má nutrição, a iniciativa é fruto do Instituto Stop Hunger, em parceria com a Associação das Mulheres de Paraisópolis, do Instituto Escola do Povo e da União dos Moradores e do Comércio de Paraisópolis, que cedeu o espaço para as atividades do Horta na Laje.

Além da horta comunitária, o projeto incentiva os moradores a cultivar as hortaliças em casa, com o objetivo de estimular a participação da comunidade e garantir autonomia, usando espaços reduzidos.

"O projeto pretende dar a oportunidade para que estas pessoas desenvolvam habilidades para plantar, cuidar e semear horta em vaso e/ou em espaços adaptados, a fim de que tenham acesso a alimentos mais saudáveis para consumo próprio e contribuindo para a melhoria da qualidade de vida", declarou o presidente do Instituto Stop Hunger, Fernando Cosenza.

Quer receber notícias do Brasil de graça por mensagem no seu Facebook? Clique AQUI e digite Brasil após acessar o Messenger. É muito simples!

Últimas notícias Ver mais notícias