Inundações deixam 14 mortos e 125.000 evacuados em Bangladesh

Daca, 13 ago (EFE).- Pelo menos 14 pessoas morreram nas últimas horas e três permanecem desaparecidas em decorrência das inundações provocadas pelas fortes chuvas que afetam o norte de Bangladesh, onde cerca de 125.000 pessoas foram evacuadas para refúgios.

"Treze pessoas morreram hoje no distrito de Dinajpur e outra no de Lalmonirhat, onde três pessoas continuam desaparecidas", disse à Agência Efe o diretor-geral do Departamento de Gestão de Desastres (DMD), Reaz Ahmed.

Cerca de meio milhão de pessoas de 18 distritos do norte do país foram afetadas pelas inundações e as fortes enchentes dos rios durante os últimos dias, acrescentou Ahmed.

Na demarcação mais golpeada, o distrito de Dinajpur, 125.000 pessoas foram evacuadas a 200 refúgios, detalhou o subdelegado de polícia desta área, Mir Khairul Alam.

"As inundações pegaram as pessoas com a guarda baixa. Trata-se de uma área principalmente seca, razão pela qual as pessoas não sabem como responder a esta situação", declarou.

Em junho 18 pessoas morreram no nordeste do país por causa das inundações, segundo o DMD.

Situado no gigantesco delta do Ganges, com pouca elevação sobre o nível do mar e com um quinto do seu território sulcado por rios e afluentes, Bangladesh costuma sofrer com inundações todos os anos quando chegam as chuvas das monções.

Últimas notícias Ver mais notícias