Nasa descobre 219 possíveis novos planetas; 10 deles podem abrigar vida

Do UOL

  • Nasa

    A Nasa anunciou a descoberta de 219 possíveis exoplanetas; pode haver vida em 10 deles

    A Nasa anunciou a descoberta de 219 possíveis exoplanetas; pode haver vida em 10 deles

Foi anunciado nesta segunda-feira (19), pela Nasa (Agência Espacial Norte-americana), a descoberta de 219 possíveis exoplanetas, ou seja, planetas situados fora do Sistema Solar. Destes possíveis novos planetas, 10 têm tamanho similar ao da Terra e são potencialmente habitáveis.

A descoberta foi publicada na versão mais recente do catálogo de potenciais exoplanetas da Nasa explorados pelo telescópio espacial Kepler, que faz sua oitava missão.

Com a atualização dos dados, o Arquivo de Exoplanetas da Nasa apresenta, agora, 4.034 candidatos a exoplanetas identificados. Destes, 2.335 foram, de fato, verificados como exoplanetas. Já os dados relativos a exoplanetas potencialmente habitáveis apontam mais de 30 confirmados como tais. 

Um exoplaneta é considerado potencialmente habitável quando está localizado nem muito perto de sua estrela hospedeira --sendo, portanto, muito quente--, nem muito distante (e gelado).

Não sendo muito quente, nem muito frio, há a possibilidade de haver, no exoplaneta, a presença de água --que não congelaria e tampouco evaporaria. A presença de água é vista como um fator chave para a existência da vida.

"Este catálogo meticuloso é o fundamento científico que permitirá responder diretamente a uma das questões mais atrativas da astronomia, que é determinar o número de planetas irmãos da Terra" na Via Láctea, explicou Susan Thompson, integrante do grupo de cientistas da equipe do Kepler e do Instituto Seti, de Montain View, nos Estados Unidos, que atua na busca por sinais de vida extraterrestre.

Sistema com sete exoplanetas que podem ter água

Em fevereiro deste ano, sete exoplanetas foram descobertos orbitando uma estrela próxima, a cerca de 39 anos-luz de distância. A descoberta foi feita em parceria entre astrônomos de todo o mundo, usando telescópios da Nasa e do ESO (Observatório Europeu do Sul).

Trata-se do sistema com o maior número de planetas tão grandes quanto a Terra já descoberto, bem como aquele que tem o maior número de mundos que podem ter água líquida --em ao menos seis deles, as temperaturas na superfície devem variar entre 0ºC e 100ºC.

Últimas notícias Ver mais notícias