Ambev passa Petrobras e tem maior valor de mercado na América Latina

Do UOL, em São Paulo

A Ambev (dona da Brahma e da Antarctica, entre outras cervejas) ultrapassou a Petrobras e passou a ser a empresa com maior valor de mercado da América Latina, entre as companhias com capital aberto (que têm ações na Bolsa).

A cervejeira vale US$ 103,3 bilhões, enquanto a Petrobras tem valor de US$ 96,4 bilhões, considerando os dados do fechamento da Bolsa na segunda-feira, 29. Os dados são da consultoria Economática. Em terceiro lugar, vem a mexicana America Movil (do bilionário Carlos Slim, e dona da Claro no Brasil).

O valor de mercado é quanto a empresa vale na Bolsa. Representa o preço de cada ação da empresa multiplicado pelo número de papéis em circulação, ou seja, o quanto um investidor pagaria se fosse possível comprar todas as ações da companhia.

Como está relacionado ao preço da ação, o valor de mercado varia todo dia.

Valor de empresas da América Latina na Bolsa (em 29/09/14)
  • 1
    Ambev (Brasil, alimentos e bebidas)
    US$ 103,3 bi
  • 2
    Petrobras (Brasil, petróleo)
    US$ 96,4 bi
  • 3
    America Movil (México, telecomunicações)
    US$ 86,4 bi
  • 4
    Itaú (Brasil, finanças)
    US$ 74,6 bi
  • 5
    Ecopetrol (Colômbia, petróleo)
    US$ 65,1 bi
  • 6
    Bradesco (Brasil, finanças)
    US$ 60,9 bi
  • 7
    Vale (Brasil, mineração)
    US$ 53,2 bi
  • 8
    Tenaris (Argentina, siderurgia)
    US$ 47,1 bi
  • 9
    Walmart do México (comércio)
    US$ 44,2 bi
  • 10
    Grupo Modelo (México, dono da cerveja Corona)
    US$ 40,5 bi
Fonte: Economatica

Segundo a Economatica, desde o inicio do governo Dilma, a Petrobras perdeu 57,77% do seu valor de mercado em dólares. No dia 31 de dezembro de 2010, a Petrobras valia US$ 228,2 bilhões.

Na sessão da Bolsa na segunda-feira, a empresa fechou com US$ 96,3 bilhões, queda de US$ 131,8 bilhões.

A Vale do Rio Doce é outra empresa que teve queda acentuada do seu valor de mercado desde 31 de dezembro de 2010: a redução foi de 67,78% do seu valor de mercado no período.

Em dezembro de 2010, o valor de mercado da Vale era de US$ 165 bilhões. Na segunda-feira, estava em US$ 53,2 bilhões (7º lugar no ranking).

Em 10º lugar, com US$ 40,5 bilhões, está o Grupo Modelo, do México, dono da cerveja Corona, e propriedade da AB Inbev, que controla a Ambev.

Últimas notícias Ver mais notícias