Chevron reduz em 7,6% investimentos previstos para 2018

A petroleira americana Chevron informou na quarta-feira que pretende investir US$ 18,3 bilhões no ano que vem, queda de 7,6% em relação ao montante que pretendia aportar em 2017, representando o quarto ano consecutivo de queda dos investimentos.


O diretor-presidente da petroleira, John Watson, disse que o recuo foi provocado pelo fato de muitos projetos estarem em fase final para início de operação, a melhora da eficiência de alguns projetos e a revisão de alguns investimentos, buscando aqueles com maior retorno.


"Nós estamos financiando completamente nossas posições na bacia de Permian (localizada em partes do Texas e do Novo México, nos Estados Unidos) e dedicando três quartos dos nossos gastos em projetos que devem apresentar fluxo de caixa em dois anos", afirmou o executivo, em nota.


O setor de exploração deve investir US$ 15,8 bilhões no próximo ano. Do total, US$ 8,7 bilhões devem ser direcionados a ativos já em produção, sendo que US$ 3,3 bilhões irão a projetos na bacia de Permina e US$ 1 bilhão para outros, de gás de xisto. E US$ 5,5 bilhões serão utilizados em grandes projetos, incluindo US$ 3,7 bilhões no campo de Tengiz, no Cazaquistão.


A divisão de refino e comercialização deve receber US$ 2,2 bilhões, informou a companhia.

Últimas notícias Ver mais notícias