Startup compara preços de pneus; mesmo produto pode custar R$ 319 ou R$ 715

Patrícia Büll
Colaboração para UOL, de São Paulo

  • Divulgação

    Pnex facilita a busca por pneus e serviços automotivos

    Pnex facilita a busca por pneus e serviços automotivos

Inspirados nos sites de turismo que ajudam a montar pacotes de viagem, os empresários Fernando Cesar e Laurent Maubré, 50, criaram uma startup que compara preços de pneus e serviços automotivos: o Pnex.

Segundo os empresários, a função do portal é ajudar os consumidores na busca pelo pneu ideal, com o melhor custo-benefício. São mais de 72 mil ofertas disponíveis na internet, que a plataforma organiza de acordo com as necessidades de cada usuário: seja por ordem crescente de preços ou por tipo de pneu.

Leia também:

Habituados a fazer compras pela internet, os dois perceberam que o mercado online de pneus ainda é muito desorganizado. "Existe uma grande variedade de ofertas e muita disparidade de preços, o que leva o consumidor a passar horas pesquisando o melhor custo-benefício para sua compra. Nossa ideia foi organizar esse mercado, oferecendo para o usuário as melhores ofertas dentro daquilo que ele procura", disse Cesar.

O sistema desenvolvido por eles já conseguiu encontrar o mesmo produto com diferença de até 55% no preço de uma loja para outra. É o caso dos pneus Continental Aro 17, que apontaram valores de R$ 319 a R$ 714,92. Mas também há grande variação de valor em outras marcas, como Michelin (47%) e Firestone (41%). Segundo eles, a maior variação de preços costuma ser dos pneus para SUVs, com média de 38%.

Investimento de R$ 1 milhão

O processo de desenvolvimento e abertura da startup teve início em julho de 2017, com investimento de R$ 1 milhão. Em janeiro deste ano, a plataforma começou a operar e, com apenas 90 dias no ar, alcançou 1.000 motoristas cadastrados, segundo os sócios.

"Além da pesquisa de preço, os usuários também podem fazer o agendamento online de serviços voltados à manutenção automotiva. Nesse caso, com empresas parceiras", disse Maubré.

Os empresários não informaram o faturamento. Quanto ao lucro, consideram que, por ser uma empresa muito jovem, ainda não atingiram sua margem. Para Cesar, "a previsão é que isso deva ocorrer até o segundo semestre de 2019."

Agora, eles buscam novos investidores para implementar o plano de crescimento dos próximos quatro anos.

Pesquisa de preços é tendência

Criar plataformas de comparação de preço é uma tendência, especialmente para produtos segmentados, segundo Rafael Rez, diretor da Web Estratégica, consultoria de marketing focada em performance de negócios no mundo digital.

"O hábito de compra cada vez mais está se tornando online, mesmo em segmentos tradicionais, como o automotivo. E, ainda que a pessoa prefira comprar no varejo físico, ela vai, ao menos, pesquisar muito antes de comprar. Nesse sentido, organizar um segmento tão pulverizado foi uma grande sacada", disse.

Segundo Rez, quando o consumidor encontra algo que possa facilitar a sua experiência de compra, ele usa. É o caso dos sites comparativos. Apesar disso, ele alerta que alguns setores já estão saturados, como os de hotéis, imobiliárias e restaurantes. Nesses casos, criar um concorrente pode não trazer os resultados esperados.

O segredo, segundo ele, é encontrar um público que é mal atendido na plataforma online e oferecer uma solução que facilite sua vida.

Onde encontrar:

Pnex - http://pnex.com.br

Veja dicas para economizar combustível no seu carro

Últimas notícias Ver mais notícias