Ex-humorista Zina deixa prisão e vai para clínica de reabilitação

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução/TV Record

O ex-humorista Zina deixou o centro de detenção provisória de Pinheiros, na zona oeste de São Paulo, onde estava preso há mais de três meses, e foi transferido para uma uma clínica de reabilitação no interior do Estado. Ele havia sido detido por violência e uso de drogas.

"Ele está nervoso, relutante, mas a nossa intenção é reabilitar o Zina", disse o advogado José Beraldo durante entrevista ao programa "Balanço Geral", da Record.

Zina foi transferido para um clínica de reabilitação para usuários de drogas, onde fará um programa de desintoxicação e tratamento psicológico.

O ex-humorista ficou conhecido ao participar do "Pânico" --na época, na Rede TV!--, entre os anos de 2009 e 2010. No programa, ele participava de reportagens ao lado de Sabrina Sato e Alfinete. Ficou conhecido também pela sua paixão pelo Corinthians e criou o bordão "Ronaldooo!".

Zina foi preso pela primeira vez em julho de 2012 pelo roubo de uma garrafa de cachaça em uma padaria em São Paulo. 

Últimas notícias Ver mais notícias