Faustão diz que pagou conta de Temer por causa de amigo em comum

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução/TV Globo

    Faustão

    Faustão

Faustão, que se encontrou por acaso com Michel Temer no restaurante La Tambouille, em São Paulo, na sexta-feira (17), na hora do almoço, disse por que pagou a conta da mesa do presidente.

"Não teria nenhum problema em pagar. Seria um prazer. Mas, na verdade, o presidente estava almoçando com um amigo meu, em uma mesa ao lado. E este amigo pagou a conta na última vez em que almoçamos juntos. Agora, eu quis apenas retribuir a gentileza deste amigo", explicou o apresentador para a coluna de Ancelmo Gois, publicada no jornal "O Globo".

No ano passado, Fausto Silva criticou o governo de Michel Temer em seu programa ao reclamar da reforma educacional.

"Essa porr* desse governo nem começou, não sabe se comunicar e já faz a reforma sem consultar ninguém. Então, o país que mais precisa da educação, faz uma reforma com cinco gatos pingados, que não sabem porr* nenhuma, e querem tirar a educação física, que é fundamental na formação do cidadão", disse o apresentador.

Uma semana depois, Faustão voltou a tocar no assunto e citou a explicação do presidente para a reforma do ensino médio:

"Eles explicam que há 7 anos vários grupos fazem estudos para um projeto de reforma do ensino no Brasil, e isso está parado no Congresso. E diante da qualidade do ensino no Brasil, eles reconhecem que é preciso agilizar o processo. De maneira alguma, eles dizem que a coisa vai ser realizada às pressas". 

Últimas notícias Ver mais notícias