"Em vários momentos eu pensei em desistir", diz Selton Mello

Tiago Dias
Do UOL, em São Paulo

Um dos atores mais celebrados de sua geração volta de vez ao batente. Selton Mello protagoniza "Soundtrack", da dupla de diretores brasileiros 300 ml, que estreia nesta quinta-feira (6). Rodado em um estúdio na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, o filme surpreende ao recriar com perfeição a paisagem do Ártico e dá ao ator seu primeiro papel (quase) todo em inglês. 

Mas Selton não esconde a animação em lançar "O Filme da Minha Vida", seu terceiro longa-metragem na cadeira de diretor -- campo onde ele diz ter descoberto um "tesão diferente". "Eu brinco que quando eu atuo é tipo férias. Eu acho fácil".

Enquanto prepara um novo projeto para a TV, "O Alienista", jogando nos dois times (ele protagoniza e dirige a adaptação do clássico de Machado de Assis), revela que a vontade de desistir da atuação sempre volta à mente: "Essa coisa Raduan Nassar, que escreve um livro e some, Adriano que joga e pendura as chuteiras, isso vira e volta vem", diz. "Em vários momentos eu tive isso".

Em breve, ele também fará sua estreia na Netflix. Selton é o principal nome de "O Mecanismo", série assinada por José Padilha ("Tropa de Elite" e "Narcos") sobre a Operação Lava-Jato: "Vamos falar de tudo que acontece nesse país maluco que a gente vive".

Últimas notícias Ver mais notícias