George Martin só mudaria uma coisa em "Game of Thrones": incluir Lady Stoneheart

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução

    Michelle Fairley com a Catelyn Stark de "Game of Thrones"

    Michelle Fairley com a Catelyn Stark de "Game of Thrones"

Se os rumos de "Game of Thrones" estivessem nas mãos de George R. R. Martin, autor dos livros que inspiraram a série, a personagem Catelyn Stark (Michelle Fairley) voltaria da morte como a fantasmagórica Lady Stoneheart, assim como ele escreveu em "As Crônicas de Gelo e Fogo".

Em entrevista à revista "Esquire China", o autor expressou seu desejo, o mesmo de boa parte dos fãs de sua obra. Como só resta uma temporada de "Game of Thrones a ser exibida, tal ressurreição possivelmente não irá acontecer.

"No livro, os personagens podem ser ressuscitados. Depois que Catelyn é ressuscitada como Lady Stoneheart, ela se torna uma assassina vingativa e sem coração. No sexto livro, continuo escrevendo sobre ela", disse Martin, referindo-se ao novo capítulo de sua saga literária, ainda inédito.

"Ela é uma personagem importante no conjunto de livros. [Mantê-la] é a mudança que eu mais gostaria de poder fazer na série."

É bom lembrar: "Game of Thrones" é uma série conhecida por não seguir literalmente o roteiro dos livros, adaptando situações, histórias e personagens.

Nos romances de Martin, Catelyn é trazida de volta à vida como Stoneheart após ser assassinada no Casamento Vermelho, quando seu corpo é descoberto pela Irmandade sem Estandartes. Segundo o escritor, a personagem terá um papel importante no sexto capítulo da saga, "Os Ventos do Inverno", na liderança da irmandade.

A oitava e última temporada de "Game of Thrones" estreia em 2019.

Reprodução
Concepção da personagem Lady Stoneheart de "As Crônicas de Gelo e Fogo"

Últimas notícias Ver mais notícias