Cantor anuncia no Instagram que desistiu da internet

Chico Barney

  • Divulgação

    O cantor Armandinho

    O cantor Armandinho

O cantor Armandinho surpreendeu seus fãs na última segunda-feira ao publicar a foto de um celular antigo acompanhada por um longo texto sobre os problemas da era digital. Talvez o amigo leitor também tenha ficado surpreso com a existência de um cantor Armandinho, e mais, que ele tenha fãs.

Mas trata-se de um grande talento do inesgotável reggae gaúcho, que há anos milita em defesa da boa vida nas praias do sul de Santa Catarina e tece loas sobre as benesses da natureza. Autor de clássicos como "Urso de Dormir", "Sol Loiro" e a universal "Desenho de Deus", Armandinho encontra-se esgotado emocionalmente em relação à internet.

"Acho extremamente brega as pessoas se unirem nos restaurantes e depois de minutos se abandonarem, mesmo continuando juntas. Acho extremamente burro as pessoas viajarem e ao invés de contemplar a paisagem, ficarem jogando joguinhos", inicia a longa carta de despedida do cantor endereçada à internet.

"Acho extremamente perigoso dirigir ao volante no WhatsApp", e aqui interrompo Armandinho para dizer que a lei concorda com seu juízo de valor. "Acho triste sermos escravizados como nos filmes, algemados sem ter algemas, e pagar 7 mil reais pra ser preso." Está claro que músico vê o preço do smartphone como a fiança de uma cadeia que as pessoas pagam para entrar.

Acho extremamente brega as pessoas se unirem nos restaurantes e depois de minutos se abandonarem mesmo continuando juntas. Acho extremamente burro, as pessoas viajarem e ao invés de contemplar a paisagem, ficarem jogando joguinhos. Acho extremamente perigoso dirigir ao volante no WhatsApp , acho triste sermos escravizados como nos filmes, algemados sem ter algemas, e pagar 7000 mil reais pra ser preso. Meus olhos foram destruídos, minha ansiedade piorou. E assim como o álcool na minha vida, o Smartphone me destrói e faz com que ao invés de estar escrevendo e tocando violão, esteja usando meu tempo criativo pra imaginar sentimentos e julgar coisas que nem sempre são reais na vida dos outros. Usarei a partir de agora este telefone convencional e uma câmera Go Pro pra viajar e mais nada. Mando as fotos e os textos para o escritório e eles postam pra mim. Não quero dizer se é certo ou errado. Cada um faz o que achar melhor da sua vida. Desculpem o desabafo, mas cheguei no limite dessa loucura toda. Sou Viciado em Smartphone. Não quero mais. "Não tenho mais WhatsApp", mandem mensagens SMS. Valeu.

Uma publicação compartilhada por Armandinho (@armandinhoebanda)

em

"Usarei a partir de agora este telefone convencional e uma câmera Go Pro pra viajar e mais nada. Mando as fotos e os textos para o escritório e eles postam pra mim. Não quero dizer se é certo ou errado. Cada um faz o que achar melhor da sua vida. Desculpem o desabafo, mas cheguei no limite dessa loucura toda. Sou viciado em Smartphone. Não quero mais."

Armandinho encerra a carta pedindo para que enviem SMS, uma vez que ele não possui mais acesso ao Whatsapp. Mas no dia seguinte postou uma foto com Taison, atleta escalado para a Copa do Mundo. Essa foi rápida.

Atleta de verdade, família, sangue puro vai lá e arrebenta @taisonfreda7 VC É Campeão !!!

Uma publicação compartilhada por Armandinho (@armandinhoebanda)

em

Voltamos a qualquer momento com novas informações.

Últimas notícias Ver mais notícias