Após ser acusado de agressão, Ximbinha diz que Joelma expulsou a mãe

Gisele Alquas
Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução/Marie Claire

    Joelma diz em entrevista à "Marie Claire" que Ximbinha a agrediu várias vezes

    Joelma diz em entrevista à "Marie Claire" que Ximbinha a agrediu várias vezes

Mesmo após três anos separados, as discussões em público entre Joelma e Ximbinha parecem não ter fim. Nesta semana, a cantora deu uma entrevista reveladora para a revista "Marie Claire" onde acusou o ex-marido e ex-parceiro da banda Calypso de agredi-la durante anos. De acordo com a publicação, o guitarrista "perdia o controle e descontava suas frustrações na cantora".

"Ele reclamava que profissionalmente me respeitavam mais do que ele. Isso o deixava irado", revelou ela, que disse ainda que na primeira agressão, dois anos depois que se conheceram, ela passou três dias trancada em um quarto de hotel. "Sentiria muita vergonha se vissem meu rosto coberto por hematomas."

Nesta sexta-feira (9), Ximbinha negou as acusações da ex-mulher em entrevista por telefone ao "Balanço Geral" e afirmou ainda que "Joelma expulsou a própria mãe de casa, chamou a irmã de ladra e expulsou a sua filha de casa ainda na adolescência".

"Eu quero deixar claro para vocês que todas essas acusações da Joelma são caluniosas, mentirosas, e nesta semana ela extrapolou. "Essa mulher tem passado dos limites [...]", disparou ele, que continuou:

"[Joelma] Expulsou como ladra, dizendo que a mãe roubava ela. Tirou a irmã da nossa casa, que cuidava dos nossos filhos e da nossa casa [...]. Quando estou tentando me reerguer, ela vem com essas mentiras e calúnias, tentando me prejudicar", afirmou a atração da Record.

Ao UOL, a assessoria de imprensa da Joelma disse que a cantora não vai se manifestar sobre as acusações de Ximbinha. Esclareceu ainda que Joelma deu entrevista à "Marie Claire" para "mostrar que é possível recomeçar e perdoar". Leia na íntegra o comunicado:

"A revista 'Marie Claire' procurou a Joelma para fazer uma matéria referente a uma campanha contra a violência doméstica porque o número de mulheres que estão sendo mortas por homicídio e se matando, desistindo de viver aumentou muito. Na entrevista, Joelma mostrou que é possível recomeçar e perdoar. Não foi em momento nenhum se vingar até porque não é da índole dela. E sobre a mãe dela, ela mora hoje no imóvel dos sonhos dela que a Joelma presenteou".

"Andava com máquina de choque"

À "Marie Claire", Joelma revelou ainda que comprou uma máquina de choque "para se defender das acusações do ex". "Andava com ela na bolsa. Depois dela ele nunca mais bebeu perto de mim. Não cheguei a precisar usar a máquina com ele".

Joelma anunciou a separação em julho de 2015 após descobrir traição de Ximbinha, que admitiu. À revista, a cantora afirmou que o guitarrista quis novamente agredi-la quando ela pediu o divórcio.

"Veio para cima, querendo me bater. O Yago [filho] se meteu, o agarrou e o jogou no chão. Passei a temer pelos meus filhos. Pelas consequências que eles podiam ter por assistir à violência. Já estava cansada também e a história da traição foi como a última gota", desabafou.

"Chegou um ponto em que a violência que vivia me deixou como um zumbi. Era visível que eu não era mais a mesma", emocionou-se. O desabafo da cantora à "Marie Claire" será reproduzido neste domingo, no "Fantástico".

Últimas notícias Ver mais notícias