Empresário morre em queda após saltar da Pedra Bonita, na Gavéa, no Rio

Do UOL, em São Paulo

  • Arquivo Pessoal

    Tiago Amorim Cobra, morto neste domingo após um salto de parapente

    Tiago Amorim Cobra, morto neste domingo após um salto de parapente

Morreu na tarde deste domingo (9) o empresário Tiago Amorim Cobra, de 48 anos. Ele saltou da Pedra Bonita, na Gávea, zona sul do Rio de Janeiro e sofreu uma queda. Seu corpo foi encontrado pelo Corpo de Bombeiros, já sem vida.

O salto foi feito com um speedfly, um parapente utilizado para saltos e voos de maior velocidade. No meio da tarde, quando colegas se deram conta do desaparecimento repentino de Tiago Cobra do ar, os Bombeiros foram acionados. A partir daí, teve início o trabalho de busca pelo paraquedista.

Os trabalhos foram feitos com dois helicópteros, que encontraram o corpo - já sem vida - no local em que se deu a queda. Ainda não há pistas sobre o que levou ao acidente, mas testemunhas ouvidas pelos bombeiros afirmaram que a causa pode ter sido fortes rajadas de vento.

Em uma página que mantinha em uma rede social, Cobra postava inúmeras fotos e vídeos de seus saltos, mostrando ser esta uma das paixões de sua vida.

Últimas notícias Ver mais notícias