Thiago Santos tem lesão na coxa e deixa Palmeiras sem 1º volante

Danilo Lavieri
Do UOL, em São Paulo

  • Pedro H. Tesch/Estadão Conteúdo

    Thiago Santos marcou o gol que classificou o Palmeiras

    Thiago Santos marcou o gol que classificou o Palmeiras

O Palmeiras não terá um primeiro volante de ofício para escalar na quarta-feira (21), contra o Atlético-GO. Thiago Santos teve uma lesão detectada no adutor esquerdo e é mais uma baixa certa para a equipe de Cuca.

O clube não oficializa um tempo de recuperação, mas lesões desse tipo demandam pelo menos 15 dias para que o atleta volte a ter condições de jogo.

Além dele, Felipe Melo e Arouca, outros jogadores que podem fazer a função de primeiro volante, estão no departamento médico. Moisés é outro que ainda não tem condições de jogo e também poderia desempenhar o papel de primeiro homem à frente da defesa.

Bruno Henrique, recém-contratado, ainda faz exames e nem foi apresentado pelo clube. Está descartado que ele faça a sua estreia já nesta quarta-feira. 

No jogo contra o Bahia, Cuca improvisou o zagueiro Luan na função. Além dele, surgem como opções Jean e Tchê Tchê, que normalmente jogam como 2º homem de meio de campo, com um pouco mais de liberdade ofensiva. 

Além das baixas já relatadas, o técnico ainda não poderá contar com Willian. O atacante foi suspenso pelo terceiro cartão amarelo e deve dar lugar a Borja. O colombiano poderá ser titular pela primeira vez em um mês.

Últimas notícias Ver mais notícias