SP encara 12 horas de viagem de ônibus e tem um dia de treino antes de jogo

José Eduardo Martins
Do UOL, em São Paulo

A situação do São Paulo não é das mais fáceis. Além de fazer a pior campanha de sua história no Campeonato Brasileiro de pontos corridos, o Tricolor vai ter apenas um dia para se preparar para enfrentar o Vasco nesta quarta-feira, no Morumbi. Depois de perder para a Chapecoense por 2 a 0 e completar nove partidas sem vitória no Campeonato Brasileiro, a delegação tricolor não conseguiu voltar à capital paulista de avião por conta do mau tempo em Chapecó neste domingo (16).

A equipe embarcou de ônibus nesta segunda de manhã. A previsão é de que viagem dure cerca de 12 horas. Por isso, todas as atividades desta segunda-feira foram canceladas - estava previsto treino no CT da Barra Funda nesta tarde, com a apresentação do zagueiro Aderllan.

Mesmo com o atraso, a diretoria não cogita pedir o adiamento da partida contra o Vasco, nesta quarta-feira. O clube teria de negociar com o clube carioca para solicitar a transferência da data do jogo.

No domingo à noite, o São Paulo tentou voltar de avião. Porém, não havia teto para a aeronave pousar em Chapecó. A previsão era de que a situação iria se repetir nos próximos quatro dias. Até se estudou uma viagem para Florianópolis para retornar de avião. Porém, neste caso, o time teria de ficar quase dez horas na estrada para depois ainda ter de embarcar em um avião. Por isso, o departamento de futebol optou por voltar de ônibus leito nesta segunda pela manhã.

Em crise no Campeonato Brasileiro, o São Paulo ocupa a 18º posição na tabela com apenas 12 pontos somados em 14 rodadas. Para complicar, nas duas últimas jornadas, o time enfrentou dois concorrentes diretos na briga contra o rebaixamento: a Chapecoense e o lanterna Atlético-GO.

Últimas notícias Ver mais notícias