Corinthians abre 2 a 0, mas para no 2º tempo e leva 4 do Rangers na Flórida

Do UOL, em São Paulo

  • Gregg Newton/AFP

    Morelos comemora gol do Rangers contra o Corinthians

    Morelos comemora gol do Rangers contra o Corinthians

O Corinthians teve um ótimo primeiro tempo, chegou a abrir 2 a 0, mas sofreu com um "apagão" no segundo tempo e tomou a virada diante do Rangers na sua despedida da Flórida Cup em jogo na tarde deste sábado (13). A equipe deixa os Estados Unidos sem nenhuma vitória, já que havia empatado na estreia. 

A equipe brasileira abriu o placar com Rodriguinho e Kazim, enquanto o jogo era disputado entre os titulares. Depois, as duas equipes fizeram mais de oito alterações cada e o jogo mudou completamente. Os escoceses passaram a dominar todas as ações e conseguiram fazer quatro gols.

O resultado deixa o Corinthians sem chance de ser campeão da competição de pré-temporada e pode colocar o Rangers na 1ª colocação. Na primeira rodada, o Alvinegro havia empatado com o PSV e levou um ponto extra por vencer nos pênaltis. O dono do troféu, no entanto, só será conhecido no domingo, já que a competição ainda tem jogos para ser disputado até lá. 

Agora, o Corinthians já se prepara para jogar na quarta-feira (17) contra a Ponte Preta, no Estádio do Pacaembu, às 21h45, na estreia do Paulistão.

John Raoux/AP
Rodriguinho comemora gol contra o Rangers após novo passe de Jadson

Pressão escocesa

O primeiro tempo foi bastante equilibrado, com chances para os dois times. Logo aos oito minutos, por exemplo, Guilherme Romão chutou bola de fora da área e acertou o travessão do goleiro adversário. O poste ficou balançando por alguns segundos.

Os escoceses responderam rapidamente com duas boas chances uma seguida da outra. Na primeira, Dálcio recebeu pela direta e chutou firme para boa defesa de Cássio. Um minuto depois, Tavernier aproveitou bola mal afastada por Kazim para cabecear por cima do gol alvinegro. A pressão escocesa continuou com chute de Windass pela direita, novamente nas costas de Guilherme Romão. O goleiro corintiano voltou a praticar a defesa. Depois de tanto perder gol, os europeus acabaram sofrendo um.

Dobradinha volta a dar certo

Fagner cobrou lateral para Kazim, que escorou para Jadson dentro da área. O meia cruzou para Rodriguinho, que completou para abrir o placar. A dobradinha que já havia dado certo no primeiro jogo, contra o PSV, voltou a ser letal. Pouco antes do fim do primeiro tempo, ainda deu tempo de os brasileiros ampliarem o placar. Kazim recebeu no mano a mano com o zagueiro, usou o corpo para proteger a bola e chutou cruzado para vencer o goleiro adversário. 

Gregg Newton/AFP
Kazim comemora gol contra o Rangers

Carille promove estreia de Renê Júnior

No segundo tempo, o técnico corintiano aproveitou a ocasião para rodar todo o time novamente, com exceção de Cássio, que só foi sair aos 20 minutos. Entre os que ganharam chance, Renê Júnior pôde fazer a sua estreia. Contratado do Bahia, ele passou a sua primeira impressão no meio-campo par aos colegas e para o comandante. 

Rangers reservas conseguem empate

Em lance pela direita, o Rangers aproveitou a falta de entrosamento da zaga para diminuir o placar. Morelos apareceu nas costas de Renê Júnior e desviou a bola para o fundo do gol de Cássio, naquele que foi o último lance do goleiro dentro de campo. Menos de dez minutos depois, Morelos foi decisivo de novo, mas com assistência. Ele cruzou para dentro da área e achou Halliday, que só empurrou sem dar chances para Caíque. 

Morelos é o nome da fera!

Depois de fazer o primeiro e dar a assistência para o segundo, Morelos voltou a infernizar a zaga do Corinthians. Ele recebeu passe na entrada da pequena área e chutou firme para fazer o gol da virada do Rangers. Depois ele começou a jogada que terminou nos pés de Tarvenier para fazer o 4º gol.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 2 x 4 RANGERS

Data: 13 de janeiro de 2018, sábado
Horário: 16h (de Brasília)
Competição: Florida Cup
Local: Estádio da Universidade da Flórida Central

Gols: Rodriguinho, aos 30 minutos e Kazim, aos 40 minutos do 1º T; Morelos, aos 18 minutos do 2º T; Halliday, aos 26 minutos do 2º T; Morelos, aos 33 minutos do 2º T e Tarvenier, aos 36 min do 2º T

CORINTHIANS: Cássio (Caíque); Fagner (Mantuan), Balbuena (Léo Santos), Pedro Henrique (Warian) e Guilherme Romão (Maycon); Gabriel (Camacho); Clayson (Pedrinho), Jadson (Renê Júnior), Rodriguinho (Lucca) e Romero (Marquinhos Gabriel); Kazim (Júnior Dutra) (Carlinhos).
Técnico: Fábio Carille

RANGERS: Foderingham (Kelly); Tavernier, Fábio Cardoso, Danny Wilson (Bates) e Declan John (Murphy); Holt (Halliday), Kranjcar (Candeias), Windass (Goss) e Dálcio; O'Halloran (Morelos) e Eduardo Herrera (Hodson)
Técnico: Graeme Murty

Últimas notícias Ver mais notícias