Versatilidade e potencial de venda: por que o Timão investirá em Vital

O Corinthians não buscava mais um meia, mas viu em Mateus Vital uma "oportunidade de mercado" e acertou com a promessa do Vasco até o fim de 2021. Dois fatores foram fundamentais para o Timão investir no jogador: versatilidade e potencial de venda.

Na visão do técnico Fábio Carille, Mateus Vital pode atuar em qualquer uma das quatro posições do meio de campo no esquema 4-1-4-1. Ou em qualquer uma das três posições no 4-2-3-1, outra formação que pode ser utilizada pelo treinador neste ano.

Além da versatilidade, chamou a atenção do Corinthians o fato de poder lucrar com Mateus Vital no futuro. O meia tem apenas 19 anos e é uma promessa das categorias de base do Vasco. Sem empresário, Carlos Leite, disse ao presidente do Timão que recebeu sondagens de clubes europeus.

Esses fatores foram fundamentais para o Corinthians investir cerca de R$ 8 milhões para contratar Mateus Vital. O valor foi publicado pelo Uol Esporte.

Apesar de poder atuar nas quatro posições, Mateus Vital terá forte concorrência no Corinthians. Atualmente, 14 jogadores brigam por alguma dessas vagas no meio de campo: Jadson, Rodriguinho, Clayson, Romero (quarteto que vem sendo titular), Marquinhos Gabriel, Giovanni Augusto, Camacho, Maycon, Júnior Dutra, Pedrinho, Lucca, Rodrigo Figueiredo e até Renê Júnior e Fellipe Bastos.

Últimas notícias Ver mais notícias