Coutinho foge de comparações com Neymar e sonha em repetir Ronaldinho

Do UOL, em São Paulo (SP)

  • divulgação/Barcelona

    Coutinho completou o primeiro mês como jogador do Barcelona

    Coutinho completou o primeiro mês como jogador do Barcelona

Philippe Coutinho completou o primeiro mês como jogador do Barcelona e concedeu entrevistas exclusivas aos dois principais jornais esportivos da Catalunha, Sport e El Mundo Deportivo. Aos dois veículos, o meia brasileiro precisou responder sobre Neymar, com quem evitou comparações. O sonho do "Pequeno Mágico" com a camisa azul e grená é repetir a história de outro craque no Camp Nou.

"Ronaldinho criou uma história muito linda aqui e qualquer brasileiro que repetir isso seria genial. Ronaldinho é único e vim aqui para trabalhar duro, ser eu mesmo e conquistar muitas coisas aqui", afirmou ao El Mundo Deportivo Coutinho, que evita ao máximo qualquer comparação com Neymar, o último brasileiro a fazer enorme sucesso pelo clube.

"Muita gente diz isso de que vim ocupar o lugar dele no tridente com Suárez e Messi, mas penso diferente. No final, jogamos com 11 em campo e somos uma equipe; eu e Neymar somos jogadores diferentes, cada um com as suas características. Espero ajudar do meu jeito e fazer o melhor possível", acrescentou Coutinho, que evitou falar sobre o colega de seleção.

"Nem falamos muito [sobre a ida de Neymar ao PSG]. Ele tomou a sua decisão e tive agora a oportunidade de vir para cá. Quando recebi esta chance, não pensei duas vezes. Sempre tive muito claro que queria e tinha o sonho de estar neste clube. Quero conquistar meu espaço aqui, ganhar títulos e ser feliz no Barça", sentenciou o meia ao jornal Sport.

O camisa 14 do Barcelona contou que recebeu referências de Paulinho e Suárez antes de fechar com o clube. A amizade com o volante brasileiro nasceu na seleção, enquanto o uruguaio é como um "irmão mais velho" para Coutinho – ambos atuaram juntos pelo Liverpool.

"Estivemos juntos no Liverpool durante um bom tempo. Quando cheguei lá na Inglaterra, ele me ajudou muito. Outros jogadores também, mas sobretudo os que falavam espanhol ou português, que são idiomas parecidos. Estávamos sempre juntos e criamos uma grande amizade", recordou o brasileiro.

Coutinho já soma seis jogos com a camisa do Barcelona. O brasileiro se mostrou decisivo e anotou um gol na vitória por 2 a 0 sobre o Valencia, fora de casa, pela semifinal da Copa do Rei. O time catalão, que lidera o Campeonato Espanhol, se classificou para a decisão do torneio mata-mata.

Últimas notícias Ver mais notícias