Neymar aciona Justiça Espanhola contra Barça e Fifa encerra processo

Do UOL, em São Paulo (SP)

  • AFP PHOTO / PAU BARRENA

    Neymar perdeu a primeira batalha contra o Barcelona na Fifa, diz rádio catalã

    Neymar perdeu a primeira batalha contra o Barcelona na Fifa, diz rádio catalã

A Fifa (Federação Internacional de Futebol e Associados) arquivou nesta terça-feira a denúncia de Neymar contra o Barcelona. O jogador cobrava 40 milhões de euros de bônus (R$ 162 mi) em relação à primeira renovação com o clube espanhol, que reteve esta quantia; a batalha agora será na Justiça Espanhola, onde tramite uma ação movida pelo atleta.

Em contato com o UOL Esporte, o estafe do jogador afirmou que já esperava o arquivamento da ação na Fifa, justamente pela existência de um processo discutindo a mesma questão na Justiça Comum. Neymar seguirá cobrando integralmente os valores.

"Não houve qualquer julgamento de mérito pela FIFA no caso envolvendo o atleta Neymar Jr. e o F.C. Barcelona, mas tão somente o já esperado encerramento do caso em face da ação ajuizada pelo atleta perante a justiça espanhola. Assim, o atleta Neymar Jr. segue pleiteando o integral pagamento dos valores devidos pelo F.C. Barcelona pela assinatura do seu contrato de trabalho em 2016", diz comunicado enviado pela assessoria do camisa 10 do PSG.

O astro brasileiro deixou a Catalunha rumo ao PSG no meio do ano passado após o pagamento da multa de 222 milhões de euros (mais de R$ 900 mi na cotação atual). Neymar tinha renovado contrato com o Barcelona em outubro de 2016, meses antes de sair do clube.

Neymar se encontra concentrado com o Paris Saint-Germain antes da primeira grande decisão pelo novo clube. Nesta quarta-feira, o clube francês encara o Real Madrid, no Santiago Bernabéu, pelo primeiro duelo oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa.

Últimas notícias Ver mais notícias