Saul 'Canelo' retorna aos treinos e empresário provoca: "Onde está 'GGG'?"

Ag. Fight

Saul 'Canelo' Álvarez retornou aos treinos nesta quarta-feira (13) de olho na revanche mais aguardada no mundo do boxe, e que ainda poderá ocorrer este ano. A luta contra Genaddy Genaddyevich Golovkin - o 'GGG' -, anteriormente marcada para maio, foi suspensa devido ao resultado positivo em um exame antidoping do boxeador mexicano,que agora cumpre suspensão.

A substância encontrada, Clenbuterol, pode ter sido ingerida através de carne contaminada, no entanto a Comissão Atlética do Estado de Nevada suspendeu o lutador pelo período de seis meses, contados a partir do resultado do teste, no dia 17 de fevereiro. Canelo x GGG foi realizada pela primeira vez em 2017, mas terminou em um controverso empate.

De acordo com o site 'TMZ Sports', inicialmente a luta parecia distante, uma vez que Oscar De La Hoya, empresário de Canelo, havia negado os termos propostos pela equipe de Golovkin, que queria dividir a arrecadação do confronto em 50% para cada lutador. O embate era cogitado para ocorrer no dia 15 de setembro, em Las Vegas (EUA), e a partir dessa discussão passou a ser visto como incógnita.

Até que um tweet provocativo publicado por De La Hoya colocou o confronto novamente nos holofotes. Com a hashtag #ondeestáGGG, o representante do mexicano levou a crer que estava blefando quando afirmou que procuraria outros lutadores para desafiar seu atleta no lugar do boxeador do Cazaquistão.

Fato é que um duelo entre o grande nocauteador e ainda invicto "triplo G" contra o maior boxeador mexicano da atualidade, que possui 51 lutas em sua carreira - com apenas uma derrota para Floyd Mayweather Jr. -, garantiria retorno milionário com a venda de pay-per-views.

Últimas notícias Ver mais notícias