Futebol americano do Corinthians culpa hacker por post pró-Bolsonaro

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução/Twitter

    Post a favor de Bolsonaro apareceu em perfil do futebol americano do Corinthians

    Post a favor de Bolsonaro apareceu em perfil do futebol americano do Corinthians

No fim da tarde desta sexta-feira (5), uma postagem pró-Bolsonaro apareceu na conta do Corinthians Steamrollers, time de futebol americano ligado ao clube, no Twitter. Questionado pelo UOL Esporte, Ricardo Trigo, um dos responsáveis pela conta, culpou hackers pela publicação.

A postagem dizia "Brasil acima de tudo e Deus acima de todos" e tinha o link para um vídeo no YouTube que fazia campanha a favor de Bolsonaro, candidato do PSL à Presidência.

Trigo, que é gerente do Corinthians Steamrollers, disse que foi surpreendido pela postagem. De acordo com ele, outras pessoas com acesso à conta negaram a publicação. Após apagá-la, ela voltou a aparecer no perfil.

A comunicação do Corinthians que cuida das redes sociais do clube não é responsável pelo perfil do futebol americano. Ainda de acordo com Trigo, o incidente fez com que a equipe entrasse em contato com ele para entender o que aconteceu.

Mais tarde, o Corinthians emitiu nota oficial para se manifestar sobre o caso, comunicando o encerramento da conta do Steamrollers no Twitter.

"O Sport Club Corinthians Paulista esclarece que o perfil de Twitter do time de futebol americano (@CorinthiansFA) foi hackeado e as postagens feitas nas últimas horas foram realizadas por hackers. Assim, os tweets feitos neste período não são de responsabilidade do clube e nem expressam a opinião do mesmo. Por conta dos problemas gerados, a gerência do Corinthians Steamrollers, que gerenciava a conta, optou por cancelar a mesma", explica a nota.

Últimas notícias Ver mais notícias