Pai de Meghan Markle passa bem após cirurgia

Los Angeles, 17 Mai 2018 (AFP) -

O pai de Meghan Markle passou com sucesso pela cirurgia cardíaca que o impediu de participar do casamento da filha com o príncipe Harry, da Grã-Bretanha, informou o site de notícias de celebridades TMZ nesta quarta-feira.

"Estou bem, mas (...) devo permanecer no hospital por mais alguns dias e evitar emoções fortes", disse Thomas Markle, 73 anos, ao TMZ, que o descreveu como alerta e coerente.

Markle revelou que os médicos implantaram até três stents em suas artérias.

Perseguido pelos paparazzi, o pai de Markle se envolveu em uma polêmica antes da cerimônia de casamento da filha, neste sábado, no Castelo de Windsor, na Inglaterra.

Antes de seus problemas médicos, Markle havia declarado que não pretendia envergonhar a filha e nem a família real, após ser fotografado por uma agência de Los Angeles em situações insólitas: olhando fotos de Meghan e Harry - que não conheceu pessoalmente -, lendo um livro sobre o Reino Unido ou tirando as medidas para o traje que usaria no casamento.

As fotos foram vendidas por 100 mil dólares, segundo o tabloide Daily Mirror.

A meia irmã de Meghan, Samantha Grant, que não foi convidada para a cerimônia, admitiu que a sessão fotográfica foi ideia sua, assegurando que poderia melhorar a imagem ruim que, segundo ela, a imprensa construiu de seu pai.

Grant acabou na emergência de um hospital nesta quarta-feira com uma fratura de tornozelo e joelho depois de sofrer um acidente de trânsito tentando evitar um paparazzi, informou o TMZ.

Últimas notícias Ver mais notícias