Ciclista ganha 1ª medalha do país na Paraolimpíada no dia ao levar prata

Do UOL, em São Paulo

  • Washington Alves/CPB

    Lauro Chaman, ciclista brasileiro paraolímpico

    Lauro Chaman, ciclista brasileiro paraolímpico

O ciclista Lauro Chaman deu ao Brasil a sua primeira medalha deste sábado nos Jogos Paraolímpicos do Rio. O atleta ficou com prata na prova de resistência do ciclismo de estrada na classe C 4-5 para competidores com pequenos problemas neurológicos ou amputações. É a classe com menores limitações para a prática da modalidade.

O brasileiro fechou a disputa de 15km a 38 segundos do vencedor, o holandês Daniel Abraham. O campeão completou a prova em 2h13min08. A medalha de bronze ficou com Andrea Tarlao, da Itália.

O brasileiro se beneficiou de um colisão envolvendo o australiano Alistair Donohoe e o ucraniano Yehor Dementyev para herdar a posição que lhe valeu a prata.

Esta é a segunda medalha de Chaman nos Jogos. Antes, ele já havia levado o bronze no contrarrelógio. 

A prova foi marcada também por um grave acidente com o iraniano Bahman Golbarnezhad, que se chocou contra uma mureta, caiu de cabeça no asfalto e acabou morrendo.

Últimas notícias Ver mais notícias