iPhone e mais: objetos esmagados por prensas hidráulicas viram mania na web

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução

    Sonho de consumo, iPhone 7 foi para a prensa hidráulica no dia do seu lançamento; vídeos de eletrônicos sendo destruídos fazem sucesso na Internet

    Sonho de consumo, iPhone 7 foi para a prensa hidráulica no dia do seu lançamento; vídeos de eletrônicos sendo destruídos fazem sucesso na Internet

Enquanto a maioria das pessoas se esforça ao máximo para manter seus aparelhos eletrônicos em perfeitas condições, alguns canais de YouTube fazem sucesso indo no sentido oposto: publicando vídeos de sonhos de consumo sendo destruídos.

Há diversas páginas dedicadas a esse fim - a fabricante de liquidificadores Blendtec foi uma das pioneiras ao criar a seção "Will it Blend", que demonstrava a força dos eletrodomésticos ao moer uma série de produtos, incluindo celulares iPhone e outros -, mas agora a mania parece ser utilizar prensas hidráulicas para esmagar toda a sorte de objetos.

Um dos canais mais famosos é o Hydraulic Press Channel, que fez fama ao esmagar diversos tipos de objeto. Quer um exemplo? Veja como ficou um iPhone 7 após ser prensado. E detalhe: o vídeo foi gravado no mesmo dia que o aparelho foi lançado.

 

Há de se argumentar que o iPhone 7 não é o celular mais resistente já criado - os donos do aparelho que tiveram suas telas trincadas que o digam. O celular da Apple, contudo, não foi o único a encarar a fúria da prensa. Lembra do Nokia 3310, tido como um dos telefones móveis mais resistentes já criados? Pois bem, veja só como ele ficou após passar pela prensa.

 

 

É claro que esses canais não se limitam a esmagar celular. Que tal ver como um MacBook reage a uma pressão de diversas toneladas?

 

 

Videogames também passaram pelo "teste" - ou seria tortura? - da prensa. Vejamos o PlayStation 3, em sua versão inicial, o famoso "tijolão". 

 

 

Não dá para dizer que ele não se tornou um videogame compacto depois disso, certo? O mesmo destino teve o maior rival do aparelho da Sony.

 

 

E como representantes da atual geração de consoles, temos um controle do PlayStation 4.

 

 

E para não ter qualquer tipo de guerra de consoles nesse assunto, também sobrou para um pobre controle de Xbox One.

 

 

Para completar, uma das modas do momento também sofreu na prensa. Falamos, claro dos spinners, que entraram na brincadeira fazendo o que fazem de melhor: girando.

 

 

 

Se as imagens acima são capazes de chocar quem se esforça para manter seus eletrônicos no melhor estado possível, por outro lado elas reúnem milhões de espectadores. Para se ter uma ideia, o Hydraulic Press Channel tem mais de 1,7 milhão de assinantes e vídeos que superam a marca de 12 milhões de visualizações. Ou seja: destruir coisas - e de, preferência, caras e desejadas - é uma boa forma de fazer sucesso.

Últimas notícias Ver mais notícias