Engenheiro desenvolve robô que identifica vazamentos e ajuda a evitar o desperdício de água

Do BOL, em São Paulo

  • Reprodução/James Dyson Award

    O engenheiro chinês You Wu com o robô Lighthouse

    O engenheiro chinês You Wu com o robô Lighthouse

Preocupado com a demanda de água potável que se torna cada mais escassa com o aumento da população, o engenheiro chinês You Wu, de 28 anos, criou um pequeno robô capaz de evitar o vazamento água que acontece frequentemente em tubulações.

Leia também:

De acordo com um levantamento da startup de robótica Watch Tower, cerca de 20% da água limpa produzida no mundo é perdida devido a vazamentos nos tubos. Pensando nisso, You Wu criou o "Lighthouse" (Farol, em português). O robô de baixo custo, que lembra uma peteca de badminton, consegue "viajar" por tubulações e encontrar pequenos vazamentos.

Por meio de um sistema de análise, ele cria um mapa que sinaliza onde está o vazamento e qual a probabilidade de ele se tornar maior, sem ser necessária uma escavação ou a interrupção do serviço de distribuição de água.

Reprodução/JamesDysonAward
16 tentativas, 10 falhas e 3 testes bem-sucedidos até chegar à modelagem final do robô
O "Lighthouse" foi desenvolvido ao longo de seis anos. O engenheiro, formado pelo Instituto de Tecnologia de Massachussetts (MIT), levou o prêmio James Dyson com o robô. A competição de engenharia, que leva o nome de um dos designer mais famosos do mundo, foi criada para incentivar invenções.

"Foram necessários mais dois anos de análise hidrodinâmica, modelagem e testes antes de montar o primeiro sensor que pode detectar vazamentos em tubulações de água. A partir disso, retomei o design para melhorar a capacidade de rejeição de ruído do sensor e inventar um novo algoritmo de localização que não precisa de GPS", explicou You Wu ao The JamesDyson Award.

Quer receber notícias de graça por mensagem no seu Facebook? Clique AQUI e digite Notícias após acessar o Messenger. É muito simples!

Últimas notícias Ver mais notícias